Lotéricas da Bahia deixarão de realizar pagamentos de contas de energia

Conta de Luz

A partir do dia 1º de junho, as casas lotéricas de Salvador e do interior do estado não irão mais receber pagamento de faturas de energia. Decisão foi tomada após um impasse na negociação de tarifas entre a Coelba e a Caixa Econômica Federal.

Os clientes podem contar com 3.668 pontos físicos para pagamento da fatura de energia em todo o estado. Farmácias, mercadinhos e papelarias, os clientes dispõem ainda de toda a rede bancária, correspondentes bancários e bancos postais estão na lista dos locais que aceitam este tipo de fatura. A lista completa dos pontos pode ser acessada Aqui, Conforme diz o iBahia.

Secretaria de Saúde de Ilhéus abre sindicância para investigar as falsas ambulância que viriam para o SAMU

A secretaria de Saúde de Ilhéus por uma sindicância vai iniciar uma investigação dos fatos noticiados na imprensa através da Rede Record, Programa Alerta Geral no dia 18 do corrente mês, diante da gravidade dos fatos noticiados na imprensa através da Rede Record, Programa Cidade Alerta, o qual relata a “apreensão pela polícia de São Paulo de duas ambulâncias clonadas com adesivos idênticos do SAMU DE SÃO PAULO, preparadas para funcionar UTI MÓVEL, no entanto, sem os devidos equipamentos, só poderiam remover os pacientes. As ambulâncias seriam usadas no município de Ilhéus/Ba”, no sentido de verificar eventual Impactos no Contrato n° 040/2018.

A Comissão de Sindicância poderá requisitar apoio de outras unidades, assim como documentos, depoimentos e demais provas para levantar as informações necessárias. Continue lendo

Alagoanos de Murici denunciam ao MPT situação de trabalho escravo em Porto Seguro

O que era para ser o sonho de um emprego se tornou em pesadelo para 36 trabalhadores alagoanos que foram na busca de uma vaga no mercado de trabalho na cidade de Porto Seguro.

Os trabalhadores, que são da cidade de Murici, em Alagoas, denunciaram na segunda-feira, dia 21, ao Ministério Público do Trabalho (MPT-BA) que estariam sendo obrigados a trabalhar de forma escrava numa fazenda de café. Segundo eles, a proposta de trabalho ofertada dava direito a alojamento, material de trabalho, alimentação, remuneração diária de até R$100 e carteira assinada, o que não aconteceu.

Ao chegar no local de trabalho, os trabalhadores alagoanos se depararam com uma estrutura precária onde tinham que dormir no chão e com condições de higiene inexistentes. Além da falta de infraestrutura, os funcionários também não receberam as compras feitas anteriormente para seu consumo e uso pessoal.

Infringindo as leis trabalhistas, além de passar fome os trabalhadores também denunciaram que não utilizavam artigos de proteção a exemplo de luvas e botas.

Indignadas com a falta de respeito os trabalhadores levaram as insatisfações à gerência da fazenda que, segundo eles, os levou para a cidade de Itabela e os deixou lá sem dar nenhum tipo de explicação. Continue lendo

Ensino a distância cresce mais que presencial, mas gera desconfiança

(Crédito: Divulgação/MCTIC)

Apesar de crescer em ritmo mais acelerado que o ensino presencial, a educação a distância (EaD) não é a primeira opção para a maioria das pessoas que buscam uma graduação. A desconfiança é grande. Pesquisa divulgada hoje (22) pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) – que representa grande parte do ensino superior particular do país – mostra que 62% dos entrevistados acreditam que a qualidade dessa modalidade não é bem avaliada no mercado de trabalho e 56% dizem que preferem o ensino presencial.

A pesquisa mostra ainda desconforto em ter a maior parte das aulas pela internet: 62% dos estudantes e potenciais alunos dizem que acreditam que as instituições de ensino EaD não oferecem suporte para tirar dúvida na hora e 37% dizem que têm dificuldade com sistema de aula online.

A pesquisa inédita Um ano do Decreto EAD – O impacto da educação a distância foi feita pela ABMES em conjunto com a empresa de pesquisas educacionais Educa Insights. Ao todo, foram entrevistados 1.012 homens e mulheres de 18 a 50 anos, sendo 256 alunos e 756 potenciais candidatos a educação superior em março deste ano.

Dos entrevistados, 27% disseram que escolheriam preferencialmente um curso EaD e 17% disseram que preferem ambos, EaD e presencial.

“Estamos falando de um público diferente da graduação presencial tradicional. Estamos trazendo para ensino superior um público mais velho, mais maduro, que já trabalha com maior intensidade. Esse público precisa da flexibilidade da EaD para completar o curso superior”, diz o vice-presidente da ABMES, Celso Niskier.

O estudo mostra que aqueles que escolhem a educação presencial exclusivamente são mais jovens – 53% têm até 30 anos -; 76% trabalham; 33% são da classe social A ou B; 64% estudaram em escolas públicas e 36% em particulares. Continue lendo

Termina hoje prazo para pagar taxa de inscrição do Enem

Os candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm até hoje (23) para pagar a taxa de inscrição de R$ 82. O pagamento deve ser feito por meio da Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança), que é gerada ao fim da inscrição.

A guia pode ser paga em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios, respeitados os horários de compensação bancária.

A inscrição só será confirmada após o processamento do pagamento. Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a inscrição cujo pagamento não tenha sido feito até esta quarta-feira não será confirmada. É responsabilidade exclusiva do participante acompanhar a situação de sua inscrição e a divulgação do local de prova no endereço enem.inep.gov.br/participante.

O prazo de inscrição terminou às 23h59 de sexta-feira (18). O último balanço divulgado pelo Inep foi na manhã desse dia, quando o número de inscritos tinha chegado a 6 milhões. No ano passado, 6,7 milhões de pessoas se inscreveram para participar do Enem.

Ao todo, 3.361.468 pessoas foram beneficiadas com a gratuidade por se enquadrarem em um dos quatro perfis que davam direito à isenção.

As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, nos dias 4 e 11 de novembro. Os resultados serão divulgados em janeiro. Continue lendo

Bolsa Família paga a 13,9 milhões de beneficiários em maio

A Caixa Econômica Federal já começou o pagamento do mês de maio do Bolsa Família em todo o país. Mais de 13,9 milhões de beneficiários do programa já podem sacar o dinheiro do programa. Neste mês, o valor repassado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) é de mais de R$ 2,4 bilhões. O valor médio do benefício, para cada família, é de R$ 178,46.

Uma das beneficiárias é Francisca Eulália de Oliveira, moradora de Açailândia (MA). Desempregada e mãe de dois filhos, ela solicitou o benefício em março. O dinheiro, segundo ela, ajudou na alimentação das crianças. “Foi muito rápido e é uma ajuda que veio em boa hora”, disse.

Em maio, mais uma vez a fila foi zerada e 254.551 mil novas famílias foram incluídas no programa.

Para o ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, o papel do governo federal é incentivar essas pessoas a saírem da pobreza. Um exemplo é o programa Futuro na Mão: dando um jeito na vida financeira, que oferece ferramentas e educação financeira aos beneficiários do Bolsa Família.

“O benefício é importante para o combate à pobreza e à desigualdade. Neste mês, lançamos o programa ‘Futuro na Mão’, que é mais uma ação para incentivar as famílias a conquistarem sua independência financeira. Com isso, queremos quebrar o ciclo da pobreza entre gerações e garantir o bem-estar dos beneficiários do Bolsa Família”, destacou Beltrame. Continue lendo

Município de Belmonte à espera do Porto Sul

O jornalista Levi Vasconcelos informa na terça-feira (21), em sua coluna em A Tarde, que o prefeito de Belmonte, Janival Andrade (Podemos), está no Sul do País tentando sensibilizar empresários a montar no município uma indústria para exploração da sílica (principal matéria-prima do vidro).

Ele diz que há três plantas no beneficiamento no distrito de Santa Maria Eterna (Juntur, Vitro e Del Pinheiro), mas o frete caro acaba gerando imposto baixo.

“Nossa sílica tem 97% de pureza, uma raridade, e as jazidas, um potencial de exploração para 200 anos”, afirmou Janival ao colunista. Continue lendo

Inspirada na lancheira da filha, empresária ilheense cria negócio que faturou R$ 1 milhão

Larissa já vendeu caixa de presentes, óculos, cosméticos, trufas, mas somente anos depois, impulsionada pela vontade de passar mais tempo com as filhas, decidiu fundar a Snack Saudável com apenas R$ 3 mil; conheça

Divulgação – Antes da Snack Saudável, Larissa conta que ficava apenas durante a noite com as filhas pequenas.

Como costumavam ser os lanches em seus recreios durante o período escolar? Entre as inúmeras lembranças que podem vir à mente, dizer que “ comidas naturais ” estavam na lancheira é bastante improvável, certo? Embora isso ainda seja difícil de encontrar, a empreendedora Larissa Souza, de 37 anos, faz parte do ‘time’ que luta para mudar esse padrão nada saudável no País, promovendo a transformação para ao menos 20 mil estudantes brasileiros. E essa história começou com um investimento de apenas R$ 3 mil.

Em 2016, Souza oficializou, com a ajuda de uma amiga nutricionista, a Snack Saudável , uma empresa do município de Ji-Paraná, em Rondônia, que tem a proposta de vender “kits de lanches saudáveis” para estudantes de dois a 17 anos. E apesar de um investimento inicial tão baixo, o negócio deu certo e faturou R$ 1 milhão no final do ano passado.

Lição de casa

A história teve início há pouco tempo. Larissa Souza conta que preparava a lancheira de sua filha mais velha, de seis anos, todos os dias e, diferente da maioria dos colegas da mesma turma, a garota levava uma fruta, um suco natural e alimentos caseiros para o recreio.

Até que, em novembro de 2015, a então assistente social teve o insight de transformar a ‘intervenção’ diária na alimentação da filha em uma oportunidade de oferecer às outras crianças a mesma refeição saudável e, de quebra, fazer negócio.

Como parte da análise de mercado, Souza foi até a escola para saber o que as crianças costumavam lanchar. E o resultado das visitas não surpreendeu a empresária: achocolatado, suco de caixinha, nuggets e bolachas recheadas eram alguns dos lanches comuns nos recreios.

Além da pesquisa para o futuro empreendimento, Larissa vivia um momento complicado. Como trabalhava de manhã em um Centro de Atenção Psicossocial (Caps) e à tarde em um abrigo para menores, a empresária praticamente não via as filhas durante o dia, e enxergava, na futura empresa, a chance de poder ficar mais tempo com elas. Continue lendo

Governador Rui Costa libera 461 viaturas policiais para Bahia; 07 para Ilhéus e 07 para Itabuna

Buscando mais reforço para auxiliar na qualidade do trabalho prestado pela Polícia Militar em todo o estado, o governador Rui Costa entregou, nesta terça-feira (22), mais 461 novas viaturas. Com recursos próprios, foi investido o montante de R$ 31 milhões para a aquisição desses veículos.

Foram entregues 20 bases móveis, 62 monovolumes (Pálio Adventure), 144 caminhonetes e 235 motocicletas. Destas 461 viaturas, 130 são destinadas à capital e 331 vão ser direcionadas para potencializar as ações policiais em municípios e distritos do interior da Bahia.

Em menos de 4 anos de governo, Rui Costa praticamente renovou a frota de viaturas no Estado. Além destas 461, já foram entregues outras 1.761 viaturas e outros 200 veículos estão em processo de compra. Continue lendo

Enquete Dep. Federal

Em quem você votaria se a eleição fosse hoje para Deputado Federal:

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Ultra Li

ADMINISTRAÇÃO DE SITES, BLOG E HOSPEDAGEM WEB
Administração técnica do seu site e blog, mantendo o funcionamento otimizado.

Solicite seu orçamento Aqui