Turismo

Txai Itacaré é um dos resorts mais luxuosos do país

A chegada do ano novo é um período de celebração e de estar próximo aos familiares e amigos queridos. Para tornar este momento ainda mais especial, que tal desfrutar do aconchego de um bangalô, com uma paisagem de tirar o fôlego e imergir na cultura baiana? Em meio a uma área de proteção ambiental, o Txai Itacaré, um dos resorts mais exclusivos do país, é um verdadeiro paraíso com cenário paradisíaco. 

Para celebrar a chegada de 2019, o Txai oferece uma programação cultural, inspirada na região e de forte apelo com a natureza.

Na noite de 31 de dezembro, o resort organizou uma programação especial, com música ao vivo e apresentação de Capoeira da Angola, além de uma ceia exclusiva elaborada pelo chef, em uma fusão de clássicos europeus com ênfase à culinária baiana, onde frutos do mar e o cacau ganham evidência.

O resort também preparou um ritual em homenagem a Iemanjá, quando seu altar, repleto de desejos dos hóspedes para o novo ano, é levado em cortejo ao som de precursão até a praia e deixado no mar.

Da orla, os participantes celebrarão a chegada de 2019 com queima de fogos. Continue lendo

Veja como será a temporada de cruzeiros 2018/2019 no Brasil

O setor de cruzeiros está em ascensão no mundo. Em 2017, foram registrados mais de 26,7 milhões de passageiros embarcados. A previsão é que, em 2018, esse número chegue a 28 milhões. Aqui no Brasil, há grandes metas e desafios. Muito já se falou sobre o potencial do Brasil com sua enorme e bela costa litorânea. Nesta temporada atual, o País conta com uma oferta total de 496 mil leitos, 15% maior que a anterior.

O presidente da Clia Brasil, Marco Ferraz, comemora o segundo ano de aumento de oferta na temporada. Para 2019/2020, com um navio a mais na costa brasileira, a oferta deve chegar a 560 mil leitos. “Não podemos esquecer que nos próximos nove anos serão 100 novos navios no mercado e precisamos melhorar nossas condições tanto em infraestrutura quando em legislação para podermos captar alguns desses navios para o Brasil”, comentou.

No ano passado, 445 mil brasileiros embarcaram em navios de cruzeiros, somando-se os navios no Brasil com os que navegam no resto todo mundo. “Esses números mostram que estamos retomando um importante ritmo de crescimento. Nosso impacto na economia na última temporada foi de mais de R$ 1,6 bilhão, mas pode crescer se tivermos melhorias na regulação do setor, infraestrutura e desenvolvimento de novos destinos. O trabalho é contínuo”, afirmou.

O MSC Fantasia já iniciou a sua viagem rumo ao Brasil e abrirá a temporada de cruzeiros no País. O navio zarpou no dia 4 de novembro, de Gênova, na Itália, e sua viagem de travessia durará 20 noites. O navio chegará no primeiro porto em território nacional no dia 19 de novembro, em Salvador, na Bahia.

Veja abaixo os navios que virão para a temporada brasileira: Continue lendo

Agerba divulga esquema especial de transporte para o feriado desta quinta

Um esquema especial de transporte foi divulgado pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), para os moradores de Salvador que queiram viajar durante o feriado desta quinta-feira (15), dia em que se celebra a Proclamação da República. O esquema diferenciado terá início na quarta-feira (14) e vai até a terça (20) deste mês.

A rodoviária e o ferry-boat terão as atividades reforçadas, assim como o sistema de rodovias BA-093 e BA-099, para atender o grande fluxo de passageiros e motoristas que a Agerba espera que saiam da cidade neste período.

A expectativa da Agência é de que 40 mil pessoas passem pelo terminal durante o feriado e o final de semana, e que movimento na rodoviária de Salvador comece a crescer já nesta quarta e permaneça intenso até o sábado (17).  Além dos 540 horários regulares realizados pelas empresas concessionárias, que saem diariamente do terminal, a Agerba disponibiliza 150 horários extras para reforçar o atendimento aos passageiros. Continue lendo

Novela “Segundo Sol” evidencia destinos turísticos da Bahia

Foto: Tatiana Azeviche

A novela Segundo Sol está perto do final e os cenários baianos continuam sendo o palco das gravações. Após filmar o carnaval em Salvador, os atores vão atuar na Praia do Forte em gravações nesta quarta-feira (7).

Com altos índices de audiência, Segundo Sol despertou os olhares dos telespectadores para atrativos culturais e naturais baianos, o que motivou a campanha ‘Bahia Cenário de Novela’, realizada em outubro pela Secretaria Estadual do Turismo, em parceria com a agência de viagens CVC.

“Nas últimas décadas, a Bahia serviu de fundo para muitas obras de teledramaturgia. A lista inclui novelas como Gabriela, Renascer, Tieta, Porto dos Milagres e a também recente Velho Chico. Isso nos ajuda a promover o turismo em nossos municípios”, afirma o secretário do Turismo da Bahia, José Alves. Continue lendo

Jorge Amado leva Ilhéus ao exterior como referência cultural

Mais uma vez Ilhéus é destaque em sites de repercussão Nacional e Internacional, o editorial EXAME traz as 10 casas de escritores para visitar no Brasil e no exterior. Com o intuito de inspirar leitores a viajarem não só pelas páginas de seus livros favoritos, mas também na vida real, o buscador de preços de passagens aéreas Skyscanner preparou uma lista com 10 casas de escritores que foram transformadas em pontos turísticos.

No editorial, a revista informa que na Bahia, há diversos lugares que os fãs de Jorge Amado podem visitar. Uma de suas casas transformadas em espaço cultural está localizada no centro de Ilhéus. O antigo palacete onde o autor de “Gabriela, Cravo e Canela” viveu foi restaurado e exibe objetos pessoais do escritor. Também tem uma programação voltada à literatura. Continue lendo

Quem conhece volta: Ilhéus está na lista dos destinos baianos que os turistas retornam

Conhecer bem o perfil dos viajantes que escolhem o seu destino é o primeiro passo para uma boa estratégia do setor turístico. Por isso, o Sebrae Bahia vem realizando pesquisas que traçam as principais características de quem opta por fazer as malas para alguns dos principais atrativos do estado. As informações têm como base as entrevistas presenciais assistidas com 4.010 turistas, entre 2016 e 2018, em Ilhéus, Itacaré, Porto Seguro (sede e destinos) e Morro de São Paulo.

No geral, os destinos baianos vêm deixando uma boa impressão, fazendo com que muitos turistas retornem – 62% já visitaram o destino em outras ocasiões, contra 38% que vêm pela primeira vez. Esse perfil de turista que volta ao mesmo destino é mais comum em Porto Seguro e Arraial D’Ajuda. Já Morro de São Paulo se destaca entre os que estão visitando pela primeira vez.

Entre as conclusões dessa análise está a de que o turista que visita os destinos baianos tem, em sua maioria, entre 31 e 55 anos (52%). A faixa etária é seguida pelo público mais jovem, de 18 a 30 anos (34%), e por uma pequena fatia de turistas com mais de 55 anos (13%). O gênero é bastante dividido (55% mulheres, 45% homens), e 76% dos viajantes têm, pelo menos, ensino superior.
Os turistas do Sudeste abocanham quase metade da fatia dos visitantes (48%), seguidos pelo turismo interno, com viajantes do próprio estado (28%). O destino preferido de quem vem do Sudeste é Porto Seguro, na Costa do Descobrimento. Já entre os baianos, as cidades mais cotadas são Ilhéus e Itacaré. Morro de São Paulo também se destaca, sendo o preferido dos turistas internacionais e do Sul do Brasil.
As viagens em casal ou família respondem por 73% do total. Mas há uma diferença no perfil buscado: enquanto Itacaré e Morro de São Paulo são os preferidos dos casais, em Porto Seguro (sede, Caraíva, Arraial D’Ajuda e Trancoso) predominam as viagens familiares. A média de permanência é de cinco dias, mas a estimativa de gastos costuma variar – 24% esperam gastar até R$ 1 mil, enquanto 25% estimam custos de R$ 3 mil a R$ 5 mil. A diferença, neste caso, está no destino escolhido: Itacaré e Ilhéus receberam o público com menor estimativa de gastos, enquanto Arraial D’Ajuda, Porto Seguro e Trancoso concentraram os turistas que planejavam gastar mais.
 
A renda dos entrevistados, aliás, também é bastante dividida. São quatro faixas: 17% têm renda entre R$ 1 mil e R$ 2 mil; 26% entre R$ 2,1 mil e R$ 5 mil; 26% entre R$ 5,1 mil e R$ 10 mil; e outros 17% entre R$ 10 mil e R$ 20 mil. Itacaré e Porto Seguro, mais especificamente os destinos Trancoso e Arraial D’Ajuda, têm atraído os turistas com maior faixa de renda.

Para a coordenadora de Turismo e Economia Criativa do Sebrae, Ana Paula Almeida, essas informações são fundamentais para que os destinos pesquisados se posicionem no mercado, entendendo qual é o público que está atraindo e se ele está de acordo com a sua estratégia atual. “O destino precisa, antes de definir as suas estratégias, analisar as percepções dos turistas. E isso muitas vezes não ocorre. São informações que devem ser consideradas para definição de ações prioritárias como melhorias na infraestrutura ou divulgação no mercado”, destaca a coordenadora.
Influência pré-viagem e turismo de experiência são oportunidades a explorar.

Demandando cada vez mais a atenção dos empreendedores do turismo baiano, a experiência pré-viagem conta muito para a decisão de compra dos turistas. Entre os entrevistados, 44% relataram a influência de parentes e amigos para a escolha do destino. As informações da internet contribuíram para 37% deles baterem o martelo em relação à viagem. E 34% já conheciam o local. Outros influenciadores foram propagandas, agências de viagem, revistas de turismo e artigos de jornais e eventos e feiras.

A análise ainda indica uma oportunidade pouco explorada pelo setor turístico baiano, e que tem grande possibilidade de crescimento: a economia da experiência. A maioria dos entrevistados (67%) demonstrou interesse em investir mais em novidades, como atividades que aprofundem o conhecimento sobre a cultura local. Ou seja, há espaço para quem pretende oferecer ao turista uma experiência diferente e que o faça se sentir integrado à comunidade ou vivenciar a história do destino.
 
E outra boa notícia para os empreendedores do setor: mesmo com o aumento da procura por propriedades em sites e aplicativos de aluguel por temporada, algo que vem ocorrendo em todo o mundo, as pousadas e hotéis ainda são os tipos de hospedagem preferidos (76%), informou o G1.

GASTOS DE TURISTAS ESTRANGEIROS NO BRASIL CAEM PARA NOVO MÍNIMO DESDE PELO MENOS JANEIRO DE 2014

O Brasil teve este mês de Setembro o mais baixo valor de receitas turísticas (gastos de turistas estrangeiros no país) desde pelo menos Janeiro de 2014, evidenciando que os receios de instabilidade por estar a decorrer a campanha eleitoral para as presidenciais se sobrepuseram às vantagens da desvalorização da moeda e consequente ‘embaratecimento’ do destino.

Os dados publicados hoje pelo Banco Central do Brasil indicam que em Setembro os gastos de turistas estrangeiros no Brasil ficaram em 373,2 milhões de dólares (326,7 milhões de euros) em Setembro, -8,3% ou menos 33,68 milhões de dólares (29,5 milhões de euros) que no mês homólogo de 2017. Continue lendo

Cruzeiros trarão mais de 60 mil visitantes a Ilhéus até abril de 2019, diz Seculti

Foto: Henrique Delusio

Outubro chegou e, com ele, começa também a tradicional temporada de cruzeiros marítimos a Salvador. De acordo com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), a estimativa é de que a capital baiana receba, a partir do próximo dia 22 de outubro até 21 de abril do próximo ano, 163.117 passageiros distribuídos em 49 navios. As embarcações saem de cidades como Recife, Búzios, Maceió, Rio de Janeiro, Fortaleza, Santos, Ilhéus, Cabo Frio e Tenerife – esta última na Espanha.

O primeiro cruzeiro a atracar no porto da capital baiana é o AIDAaura, que traz a Salvador 1.266 passageiros. A novidade este ano é a vinda do MSC Seaview, o maior dos navios. Ele comporta 5.210 passageiros e chega à cidade no dia 2 de dezembro. Ainda segundo a Secult, esses visitantes de algumas horas, chamados de “excursionistas”, costumam visitar locais próximos ao Terminal Marítimo de Passageiros, como Mercado Modelo, Elevador Lacerda, igrejas do Centro Histórico e Pelourinho.

Para o secretário da Secult, Cláudio Tinoco, a expectativa é alta, já que o Centro Histórico passou por algumas requalificações nos últimos meses. “Para essa temporada, nós esperamos uma experiência ainda melhor. Há equipamentos como a Casa do Carnaval, que está em um dos roteiros de acesso pelo Centro Histórico, a partir do Porto, e a reforma do Terreiro de Jesus, que deve ser concluída em janeiro, dentre outras intervenções que vão melhorar ainda mais essa experiência, “, afirmou. Continue lendo

Anúncio
Técnico em informática em Ilhéus

Técnico em informática em Ilhéus

Ultra Li

ADMINISTRAÇÃO DE SITES, BLOG E HOSPEDAGEM WEB
Administração técnica do seu site e blog, mantendo o funcionamento otimizado.

Solicite seu orçamento Aqui