Na manhã deste sábado (02), aconteceu em Ilhéus uma mobilização contra a proliferação do mosquito Aedes aegypti, agente transmissor da dengue, febre-amarela urbana, chikungunya e Zika. A iniciativa da Prefeitura de Ilhéus, coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), através da equipe de educação em saúde, aconteceu na Praça Cairu, região central da cidade, com o objetivo de orientar a população e sensibilizá-la sobre a importância de todos participarem da luta contra a disseminação do mosquito.

A mobilização, que recebeu o nome de “Dengue Mata, Mate o Mosquito”, fez parte da Semana Nacional de Mobilização de Combate ao Aedes aegypti, em que o Ministério da Saúde instituiu o dia 02 de março como o “Dia D” nacional de combate à dengue. Infelizmente, a epidemia de dengue vem crescendo em todo o país e, a prevenção contra a doença precisa ser feita para além do poder público, uma vez que os focos de proliferação do mosquito estão em nossos quintais.

Em Ilhéus, a equipe de educação em saúde organizou esse Pit Stop para chamar a atenção da população, sobre a responsabilidade de cada cidadão e cidadã neste combate. As equipes médicas estão preparadas, mas é importante evitar a contaminação, eliminando de uma vez por todas quaisquer locais propícios à disseminação do mosquito.

Com animação, a equipe da Sesau entregou panfletos informativos e conversou com a população. O material trazia os cuidados que precisamos ter em nossas casas como, eliminar locais que possam acumular água, como vasos e pratos de plantas, pneus velhos, garrafas, caixas d’água destampadas, enfim, todos os locais que se tornam ambientes favoráveis para a postura dos ovos e surgimento de novas larvas do Aedes. Além disso, é de extrema importância recebermos bem os agentes de saúde, que vão, além de fiscalizar as residências, orientar os cidadãos sobre a melhor forma de colaborar na luta contra a dengue.

Outra orientação importante da Sesau é para que a população com suspeita de dengue procure imediatamente uma unidade de saúde, para realizar o teste e, caso essa suspeita se comprove, receba o atendimento adequado e o caso seja notificado. A notificação é uma das formas do município receber ações dos governos Estadual e Federal.

Fique atento aos sintomas

Conforme o Ministério da Saúde, os sintomas clássicos da dengue são: febre alta, dor no corpo e nas articulações, dor atrás dos olhos, mal-estar, dor de cabeça, manchas vermelhas no corpo. E, os sinais de alarme da doença podem ser: dor abdominal intensa e contínua, vômitos persistentes, acúmulo de líquidos, sangramento de mucosa e irritabilidade.

Caso estes sintomas surjam, busque ajuda médica imediatamente. As unidades de saúde de Ilhéus estão preparadas para receber os pacientes e tomar as medidas necessárias para que o quadro da doença não se agrave. Mas é importante buscar ajuda e orientação antes que estes sintomas se intensifiquem.

A dengue mata, mas podemos matar o mosquito antes. Para isso, é necessária a colaboração de todos e uma ação conjunta do poder público e da população, para podermos acabar de vez com os focos de reprodução do mosquito Aedes Aegypti.

::Publicidade
Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *