Centro Covid-19 de Ilhéus completa 1 ano de funcionamento e cobertura a 42 municípios

Há um ano, foi aberto o Centro de Atendimento à Covid-19 no Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães, em Ilhéus, no dia 27 de abril de 2020, com funcionamento ininterrupto em regime de 24 horas, para atendimento à pessoas com suspeita e ou infectadas pela Covid-19. Primeiro hospital de campanha do interior, a unidade atende 42 municípios da região e é referência estadual, criada por meio da parceria entre a Prefeitura de Ilhéus e o Governo do Estado da Bahia. Atualmente, conta com atendimento ambulatorial 24 horas e 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

De acordo com informações da Coordenação de Enfermagem do Centro Covid-19, em doze meses, a unidade realizou presencialmente 33.148 mil atendimentos, desses, 16.390 casos foram confirmados, com 2.258 internamentos, sendo 1.316 internações clínicas e 942 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Entre testes rápidos e do tipo swab, 49.437 exames foram realizados para detecção da Covid-19. Pelo menos, 46 mil casos ao todo do município de Ilhéus foram monitorados pela equipe do Centro Covid-19, que comporta um total de 110 profissionais como enfermeiros, técnicos de enfermagem, médicos, fisioterapeutas, recepcionistas, auxiliares administrativos, maqueiros, condutores e biomédico. 72 óbitos aconteceram na unidade, dos 417 óbitos de Ilhéus registrados até o momento.

Para a coordenadora do Centro Covid-19 e enfermeira, Daniela Navarro, este um ano representa um período de luta, expectativas e esperança em meio a sorrisos e lágrimas, com muitas histórias para contar. “Momentos inesquecíveis para toda a equipe. Agradecemos a Deus por ter nos guiado até aqui e pedimos força para continuar sendo essenciais na restauração da vida daqueles que cuidamos. Somos um exército de homens e mulheres com a grande missão: salvar”.

Com estrutura classificada como excepcional por Fábio Vilas-Boas, secretário de Saúde do Estado da Bahia, o Centro Covid-19 é reconhecido pelo prefeito Mário Alexandre como um modelo de atendimento humanizado para todo o país. “Os nossos pacientes são tratados com carinho, respeito e dignidade. Graças a Deus, temos tido o reconhecimento da comunidade pela qualidade dos atendimentos, onde cada pessoa é vista e cuidada com amor, pelo ser humano que é”, destacou o prefeito Mário Alexandre, que parabenizou a todos os profissionais do Centro Covid-19 por doarem seus dons à serviço do próximo. 

É o caso do paciente João Calazans, escritor, 61 anos, que ficou internado por 10 dias na unidade, em novembro do ano passado. Após receber alta, Seu João participou de uma apresentação de capoeira e disse que vai escrever um livro para demonstrar como ficou encantado com o tratamento, a hospitalidade e atendimento ofertados. 

Adalgiso Alves dos Santos, comemorou o aniversário de 79 anos com os amigos que ganhou no Centro Covid-19. Pai de dez filhos que moram em São Paulo, o paciente nunca havia comemorado a passagem de seu nascimento. Isso aconteceu pela primeira vez em fevereiro deste ano, quando recebeu uma festa de aniversário da equipe, durante o internamento, que durou 15 dias. Durante a recuperação, chamadas de vídeo foram feitas todos os dias para os filhos de Seu Adalgiso com o informe do boletim diário. Após a alta, um dos filhos veio buscar o pai e agradeceu demais aos profissionais pelo tratamento humano.

A supervisora geral do Centro Covid-19 e pedagoga, Quezzia Mota Meneses, relata que esses doze meses no Centro Covid-19 superou a técnica e o lado acadêmico. “Mergulhamos numa experiência intensamente humana. Percebemos que o perfil do paciente de Covid é diferente daquele de ambulatório, pois geralmente chega muito fragilizado. A gente entra com o lado humanizado para equilibrar o emocional desses tantos personagens, pessoas reais que passaram por aqui. Cada um com a sua história, nos traz uma experiência ímpar”, destacou. Para ela, a pandemia é um convite e traz uma mensagem de transformação, para o aprimoramento pessoal e profissional àqueles que se dispõem em extrair o máximo de aprendizado em cada experiência vivida. 

Além de Ilhéus, pacientes oriundos de diversos municípios foram atendidos no Centro Covid-19. Confira: Almadina, Anagé, Aurelino Leal, Barro pReto, Brejões, Itiruçu, Uruçuca, Taboquinhas, Tremedal, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Firmino Alves, Itamaraji, Ibirapitanga, Ibirataia, Iguai, Ipiaú, Jequié, Vitória da Conquista, Itacaré, Itaju do Colônia, Maracas, Lajedo do tabocal, Nova Canaã, Pau Brasil, São José da Vitória, Teolânica, Una, Ubatã, Ubaitaba, Mucuri, Maraú, Taperoá, Itambé, Itapetinga, Itapitanga, Itabuna, Ituberá, Jitaúna e Jussari.

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2021/04/centro-covid-19-de-ilheus-completa-1-ano-de-funcionamento-e-cobertura-a-42-municipios.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.