Foto: Atlantic Nickel

A mineradora Atlantic Nickel descobriu no município de Itágiba, interior do Estado da Bahia, uma área com níquel sulfatado.

A Atlantic Nickel atua nas atividades de exploração, mineração, beneficiamento e comercialização de concentrado de níquel. A mineradora, publicou por meio de suas redes sociais que descobriu uma área em Itagibá, Estado da Bahia, com um grande potencial para exploração do níquel sulfatado. Com a descoberta, a companhia pretende ampliar a extração de minério básico na produção de baterias para veículos elétricos.

O depósito, localizado no território conhecido como Palestina, está no mesmo cinturão geológico da Mina Santa Rita, e a apenas 26km da planta, que segue em plena operação há mais de um ano.

Segundo Antônio Carlos Tramm, presidente da Companhia Baiana de Pesquisa Mineral, com a descoberta, ele diz que é importante concluir a Ferrovia Oeste-Leste, “A Nickel é mais uma das empresas que poderá deixar de usar caminhões e escoar sua produção pela ferrovia até o Porto-Sul em Ilhéus, reduzindo custos e os impactos ambientais envolvidos no transporte. Com isso o níquel baiano vai ficar mais competitivo e sustentável”.

Para João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico, “Desde que a mina de Santa Rita retomou suas operações em janeiro de 2020, Itagibá permanece no ranking dos 10 municípios com maior arrecadação de Compensação Financeira pela Exploração Mineral (CFEM) da Bahia. Lembrando que 60% da taxa é destinada à cidade onde ocorreu a produção. Essa descoberta impulsionará ainda mais o emprego e renda na região”.

Sobre a mineradora Atlantic Nickel:

A Atlantic Nickel atua desde 2009 nas atividades de exploração, mineração, beneficiamento e comercialização de concentrado de níquel. O níquel sulfetado produzido, após passar por um processo de refino, é o principal componente na fabricação de baterias que equipam o crescente mercado de veículos elétricos.

As operações da Mina Santa Rita estão concentradas no município de Itagibá, na Bahia, nordeste do Brasil, a cerca de 370 quilômetros de distância da capital Salvador (BA). A localidade é também estratégica por estar a apenas 140 quilômetros do Porto de Ilhéus, cidade no sul baiano, bem posicionada do ponto de vista da exportação do minério.

::Publicidade
Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *