Bloco Zé Pereira mantém tradição e abre Carnaval do Povo nesta sexta-feira (21)

A expectativa para os festejos de momo é grande e costuma reunir uma multidão durante os carnavais. Com mais de 30 anos de história, o bloco Zé Pereira vai abrir a sexta-feira do Carnaval do Povo (21). A concentração será mais cedo, a partir das 19h, em frente ao Bar do Jorginho com animação da Banda Flor do Caribe. A saída do bloco será pontualmente a meia-noite.

“Há um público fiel que há anos desfila no Zé Pereira. Bloco que abre os festejos do período oficial do carnaval e que merece o prestígio de todos os ilheenses. Com as marchinhas e canções dos bons carnavais, a charanga leva boa música e alegria pra quem sabe aproveitar o melhor da nossa cultura local. Por nossa cultura e pela reconstrução de Ilheus que empreendemos, tenho orgulho de ser ilheense” , disse o Prefeito Mário Alexandre.

E para dar lugar a alegria e a irreverência, mais de mil associados desfilarão pelas ruas. Se repetir o feito de 2019, serão mais de quatro mil foliões, que serão arrastados ao som das marchinhas entoadas por uma banda de sopro que promete animar a festa. Angélica Silva, diretora do bloco, assegura que este ano não será diferente.

“Por mais de três décadas cortejamos a alegria e a descontração. O Zé Pereira tornou-se uma festa, principalmente para a família, em uma das maiores manifestações de rua do Pontal. São milhares de pessoas que esperam chegar o período de Carnaval para liberarem toda sua irreverência e fantasia”, frisa.

Durante o trajeto, o bloco percorre as ruas do bairro, começando pela Dom Pedro II, em seguida vai para Rua Davi Maia, depois Passarela do Álcool, até chegar na Rua Casemiro Costa. Logo depois vai para Avenida Lomanto Júnior, e entra na Treze de Maio, passando pela Rua Castro Alves. O cortejo animado é finalizado na Praça São João Batista, por volta das 4h30min da manhã.

Tradição nas ruas – Considerado uma das agremiações mais tradicionais da cidade de Ilhéus, o bloco Zé Pereira criou uma forma de resgatar os antigos cortejos carnavalescos. No início, os participantes do grupo saíam do então famoso e frequentado Clube do Pontal após os bailes, mas queriam continuar a festa de Carnaval.

Os fundadores lembram ainda que tudo começou como uma brincadeira de moradores. Contam ainda que os primeiros foliões pegavam colheres de pau para bater nas panelas. O ritual da época era percorrer as ruas fazendo muito barulho. Os anos se passaram e o bloco Zé Pereira se tornou um clássico no Carnaval de Ilhéus.

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2020/02/bloco-ze-pereira-mantem-tradicao-e-abre-carnaval-do-povo-nesta-sexta-feira-21.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.