Franklin Deluzio

Franklin Deluzio é graduado em Filosofia (UESC), graduando em Física pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Especialista em Gestão Pública Municipal (UESC), Design Digital Júnior, Design Editorial Júnior, Servidor Municipal de Ilhéus/BA. Áreas de interesse: Gestão e Desenvolvimento Urbano, Políticas Públicas, Plano Diretor, Administração de Recursos, Gestão Logística, Filosofia da Educação, Existencialismo, Ética e Discurso, Filosofia da Ciência, Meteorologia, Poder, Verdade e Sociedade em Foucault, Filosofia Jurídica e autores como Heidegger, Bauman, Habermas, Foucault, Derrida, Deleuze, Sofistas, Nietzsche, Sartre, Hannah Arendt, Freud, Carlos Roberto Gonçalves e Giovanni Reale.

Inspirada na lancheira da filha, empresária ilheense cria negócio que faturou R$ 1 milhão

Larissa já vendeu caixa de presentes, óculos, cosméticos, trufas, mas somente anos depois, impulsionada pela vontade de passar mais tempo com as filhas, decidiu fundar a Snack Saudável com apenas R$ 3 mil; conheça

Inspirada na lancheira da filha, empresária ilheense cria negócio que faturou R$ 1 milhão 1

Divulgação – Antes da Snack Saudável, Larissa conta que ficava apenas durante a noite com as filhas pequenas.

Como costumavam ser os lanches em seus recreios durante o período escolar? Entre as inúmeras lembranças que podem vir à mente, dizer que “ comidas naturais ” estavam na lancheira é bastante improvável, certo? Embora isso ainda seja difícil de encontrar, a empreendedora Larissa Souza, de 37 anos, faz parte do ‘time’ que luta para mudar esse padrão nada saudável no País, promovendo a transformação para ao menos 20 mil estudantes brasileiros. E essa história começou com um investimento de apenas R$ 3 mil.

Em 2016, Souza oficializou, com a ajuda de uma amiga nutricionista, a Snack Saudável , uma empresa do município de Ji-Paraná, em Rondônia, que tem a proposta de vender “kits de lanches saudáveis” para estudantes de dois a 17 anos. E apesar de um investimento inicial tão baixo, o negócio deu certo e faturou R$ 1 milhão no final do ano passado.

Lição de casa

A história teve início há pouco tempo. Larissa Souza conta que preparava a lancheira de sua filha mais velha, de seis anos, todos os dias e, diferente da maioria dos colegas da mesma turma, a garota levava uma fruta, um suco natural e alimentos caseiros para o recreio.

Até que, em novembro de 2015, a então assistente social teve o insight de transformar a ‘intervenção’ diária na alimentação da filha em uma oportunidade de oferecer às outras crianças a mesma refeição saudável e, de quebra, fazer negócio.

Como parte da análise de mercado, Souza foi até a escola para saber o que as crianças costumavam lanchar. E o resultado das visitas não surpreendeu a empresária: achocolatado, suco de caixinha, nuggets e bolachas recheadas eram alguns dos lanches comuns nos recreios.

Além da pesquisa para o futuro empreendimento, Larissa vivia um momento complicado. Como trabalhava de manhã em um Centro de Atenção Psicossocial (Caps) e à tarde em um abrigo para menores, a empresária praticamente não via as filhas durante o dia, e enxergava, na futura empresa, a chance de poder ficar mais tempo com elas. Continue lendo

Governador Rui Costa libera 461 viaturas policiais para Bahia; 07 para Ilhéus e 07 para Itabuna

Governador Rui Costa libera 461 viaturas policiais para Bahia; 07 para Ilhéus e 07 para Itabuna 2

Buscando mais reforço para auxiliar na qualidade do trabalho prestado pela Polícia Militar em todo o estado, o governador Rui Costa entregou, nesta terça-feira (22), mais 461 novas viaturas. Com recursos próprios, foi investido o montante de R$ 31 milhões para a aquisição desses veículos.

Foram entregues 20 bases móveis, 62 monovolumes (Pálio Adventure), 144 caminhonetes e 235 motocicletas. Destas 461 viaturas, 130 são destinadas à capital e 331 vão ser direcionadas para potencializar as ações policiais em municípios e distritos do interior da Bahia.

Em menos de 4 anos de governo, Rui Costa praticamente renovou a frota de viaturas no Estado. Além destas 461, já foram entregues outras 1.761 viaturas e outros 200 veículos estão em processo de compra. Continue lendo

Denatran diz que suspensão de portaria não impedirá parcelamento

Denatran diz que suspensão de portaria não impedirá parcelamento 3

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) informou que a suspensão da norma que regulamentava o pagamento de multas com cartões de débito ou crédito não impedirá o parcelamento das dívidas.

Em nota, o Denatran afirma que o parcelamento das multas é uma prática respaldada por resolução do Conselho Nacional do Trânsito (Contran) que tem força de lei. Assim, órgãos e entidades que integram o Sistema Nacional de Trânsito e que já implementaram o sistema informatizado necessário à cobrança parcelada dos débitos veiculares seguirão aceitando cartões eletrônicos. Caso do Distrito Federal, onde os donos de veículos continuarão podendo optar pelo parcelamento das multas.

De acordo com o Denatran, a suspensão da Portaria nº 53, de 23 de março, suspende apenas os procedimentos técnicos que os órgãos fiscalizadores deveriam adotar para se adequar à prática do parcelamento. O departamento também garante que a suspensão da portaria não causará impacto para os processos já iniciados por condutores que optaram pelo parcelamento das multas de trânsito.

A reportagem pediu ao Denatran informações sobre a situação em outras unidades da federação, mas ainda não obteve respostas.

O objetivo da suspensão da portaria que estabelecia as diretrizes e os procedimentos para os pagamentos eletrônicos é, segundo o Denatran, “proporcionar melhores condições ao cidadão que optar pelo referido parcelamento”. A proposta do departamento é publicar, em breve, um novo ato normativo incluindo a possibilidade do pagamento parcelado de outros tributos, como o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e o Licenciamento Anual.

Publicada no Diário Oficial da União (DOU) de ontem (21), a Portaria nº 91 não especificava os motivos para a suspensão da norma anterior. As razões e os eventuais efeitos da medida também não foram explicitados pelo departamento durante todo o dia de ontem. Continue lendo

ILHÉUS: Com menos de 70% vacinados, nova mobilização contra a gripe acontece no sábado, 26

ILHÉUS: Com menos de 70% vacinados, nova mobilização contra a gripe acontece no sábado, 26 4

Quem ainda não pode se vacinar contra o vírus da gripe Influenza, em Ilhéus, tem até o dia 1º de junho para a imunização nos postos municipais de saúde, de segunda a sexta-feira. Outra oportunidade para isso também ocorre no próximo sábado, dia 26, em nova mobilização municipal pela campanha de vacinação contra a gripe, em pontos fixos instalados em várias regiões da cidade. Uma equipe volante percorre as localidades da zona rural.

Segundo a coordenação de Imunização da secretaria municipal de Saúde (Sesau), no próximo sábado, a vacinação funcionará e postos extras montados Terminal Rodoviário Urbano, no calçadão da Rua Marquês de Paranaguá (proximidades da Farmácia Vellanes), na Central de Abastecimento do Malhado, no CAE III (antigo Sesp) e na sede da Associação de Moradores do Teotônio Vilela, no período das 8 às 12 horas.

Conforme dados da coordenação de Imunização da Sesau, na terceira semana da campanha, 20.999 ilheenses já receberam as doses da vacina, o que representa 51,48 por cento da cobertura do público alvo. “Os grupos que são vacinados são escolhidos exatamente pelo papel, pelo risco, por estarem expostas às formas mais graves ou eventualmente participam da cadeia de transmissão”, explicou a chefe do setor de Imunização, Walkiria Cardeal. Segundo ela, a meta é atingir 90 por cento de cobertura vacinal. Esse aumento leva em consideração os últimos anos no país, quando a meta ultrapassou 80 por cento.

Seu João e a mulher não perderam a oportunidade. “Essa vacina é boa e a doença não é coisa boa, não”, disse Seu João Silva, de 65 anos. Idosos como eles, grávidas, mães de recém-nascidos, trabalhadores da área de saúde, professores, indígenas, crianças, estão todos nos grupos prioritários para vacinação. Já Glória da Silva, 67 anos, diz que está ciente de todos os benefícios da vacina e que acha importante se imunizar. “A vacina está nos dando vida melhor, sem ela é arriscado à gente adoecer, e a vacina bota você mais pra cima”, disse a idosa. Continue lendo

COLETIVO DO PSOL CONVIDA POPULAÇÃO PARA DISCUSSÃO DA SITUAÇÃO DE ILHÉUS E ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE AÇÃO.

COLETIVO DO PSOL CONVIDA POPULAÇÃO PARA DISCUSSÃO DA SITUAÇÃO DE ILHÉUS E ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE AÇÃO. 5

Diante do cenário municipal onde o governo aperta as contas para os serviços públicos, precariza a saúde, não fiscaliza o transporte, paga altíssimos aluguéis para funcionamento de secretarias enquanto há vários prédios abandonados sem utilidade, o Coletivo Sol Raiz traz a tona a discussão sobre como as instituições podem contribuir para melhorar essa situação.

O evento começará com uma homenagem póstuma ao Procurador Federal Israel Nunes, militante do PCdoB, mesa de discussão sobre a questão dos transplantes de órgãos com Anna Aragão, sobre a luta tupinambá com Cacique Gildo Amaral, Projeto de Acupuntura Urbana com Shi Mário, a luta do campo com Moacyr Pinho, as mulheres e a representatividade com Bernadete Pereira, a Cultura como forma de organização popular com Janete Lainha, o Transporte como direito social com Elisabeth Zorgetz, o papel do Judiciário na organização popular com Arlindo Neto e o papel da mídia na organização popular com Thiago Dias. Continue lendo

ITABUNA: Corpo de mulher é achado em tanque de água

ITABUNA: Corpo de mulher é achado em tanque de água 7

Uma mulher foi encontrada morta na noite desta segunda-feira, 21, em um tanque de água no fundo da casa onde morava, no município de Itabuna. A vítima, identificada até o momento pelo prenome Manoela, aparentava ter 23 anos e morava na rua São Pedro, no bairro Pedro Jerônimo, como dois filhos.

De acordo com blog Verdinho Notícias, vizinhos relataram que ela tinha problemas de saúde e que, recentemente, desmaiou em uma barraca de acarajé. Por conta disso, a polícia suspeita que ela tenha passado mal e caído no local.

O corpo da mulher foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT). A causa da morte é desconhecida. O caso será investigado pela delegacia da cidade.

Caminhoneiro vende quatro caminhões após alta do diesel: ‘a conta não fecha’

Caminhoneiro vende quatro caminhões após alta do diesel: 'a conta não fecha' 8

O caminhoneiro Nildo Santos, 41 anos, trabalha há 10 anos pelas estradas do Brasil. Conquistou sucesso profissional e chegou a ter cinco caminhões na sua frota particular. Há oito meses começou a se desfazer dos veículos: vendeu quatro e ficou apenas com um para trabalhar. Alguns dos caminhões chegaram a valer um investimento de R$ 200 mil. O preço do diesel e a redução de fretes colaboraram para uma queda de 80% no faturamento do caminhoneiro que é natural de Maraú, no Baixo Sul baiano, mas vive em Lauro de Freitas.

“A situação está cada vez mais difícil. Eu já cheguei a abastecer o caminhão com o litro do diesel de R$ 2. Essa semana o valor estava R$ 4,20 em Ilhéus (Sul do estado). O problema é que o valor do frete não aumenta junto. A conta não fecha. O preço do combustível está cada vez mais alto e os fretes não acompanham. Com o diesel nesse valor, não tem como continuar com o caminhão na estrada”, explica Nildo.

E ele não está sozinho. Há 30 anos o motorista Wellington Santos, 60, trabalha como caminhoneiro pelas estradas do país. Conseguiu, no auge do trabalho, ter três caminhões com dois funcionários. Hoje, trabalha sozinho e tem apenas um dos três veículos.

“A alta do valor do diesel e a redução no número de fretes colaboraram para essa situação. O preço do diesel está quase o mesmo da gasolina. Não temos condição de manter os carros na estrada desse jeito. Tive que vender dois caminhões para pagar dívidas com os bancos”, afirma Wellington.

Os caminhoneiros nesta segunda-feira (21) participam de ato nacional contra o novo aumento do diesel de 0,97% a partir de terça (22). Na semana passada, foram cinco reajustes diários seguidos. A escalada nos preços acontece em meio à disparada nos preços internacionais do petróleo.

A Petrobras diz que as revisões podem ou não refletir para o consumidor final – isso depende dos postos. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP), o preço médio do diesel nas bombas já acumula alta de 8% no ano. O valor está acima da inflação acumulada no ano, de 0,92%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No início da manhã havia atos em pelo menos 13 estados: Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins. Continue lendo