Laudo do Bahia diz que Ramírez não chamou Bruno Henrique de ‘negro’

Os laudos de especialistas encomendados pelo Bahia apontaram que o meia Ramírez não proferiu ofensa racial ao atacante Bruno Henrique, do Flamengo. De acordo com as cinco empresas contratadas pelo clube, o jogador não chamou o camisa 27 rubro-negro de “negro”.

“Com a mão, ele faz o gesto, que significa que você é um fanfarrão, um falador, você fala o que não sabe, o que não conhece. Para irritar o jogador. E posteriormente, ele fala “tá quanto?”, “tá quanto?”, separado. A palavra correta seria “está quanto””, disse um dos especialistas ao “GE”.

Na última terça-feira, o vice jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee, afirmou que o clube havia conseguido um laudo que apontava ofensa de Ramírez a Bruno Henrique e que o clube entraria no STJD contra o colombiano.

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2020/12/laudo-do-bahia-diz-que-ramirez-nao-chamou-bruno-henrique-de-negro.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.