Após 20 anos, 27 mil toneladas de eucalipto serão exportadas do Porto de Ilhéus para a Europa

Após 20 anos, 27 mil toneladas de eucalipto serão exportadas do Porto de Ilhéus para a Europa 1

O Porto de Ilhéus, voltou a fazer o transporte de toras de eucalipto para exportação após 20 anos com o serviço interrompido, pois não havia demanda. A informação é da direção da Intermarítima Portos e Logística, operadora do terminal.

Conforme informou o diretor operacional da Intermarítima, Regilmar Costa, 27 mil toneladas de eucalipto serão exportadas para Portugal. Até esta terça-feira (18), já estavam no porto 25 mil toneladas da árvore que chegaram da cidade de Montes Claros (MG).

Segundo Regilmar, a procura de Portugal pelo eucalipto do Brasil ocorre por conta de leis ambientais do país europeu que restringem a plantação.

Costa disse ainda que as toras do eucalipto começaram a chegar no porto no dia 3 de maio deste ano, há pouco mais de um mês. A exportação está prevista para 4 de julho e eles têm até o dia 30 de junho para alcançar o número esperado para o carregamento, que é de 27 mil toneladas.

Diariamente, 18 carretas carregadas com eucalipto chegam ao Porto de Ilhéus. Com essa exportação, o faturamento do porto será de cerca de R$ 300 mil. Outra viagem já está prevista para 26 de agosto.

“Serão duas exportações experimentais. Dando tudo certo nessas duas viagens que tem Aveiro [Portugal] como destino, faremos, ao menos, outras oito exportações”, explicou Regilmar.

Sérgio Fiqueiredo, gerente administrativo do terminal, explicou o papel do local para exportação.

“O porto cede o espaço e disponibiliza condições para o exportador através da operadora portuária. A geração de emprego começa na origem [do eucalipto] já que são cinco anos de plantio para se chegar a colheita. Aqui no porto, nós conseguimos aumentar o volume de empregados portuários, ligados a operação contratada pela Intermarítima, e vamos gerando recursos disponibilizando espaço, tempo, organização e segurança”, disse.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *