Cinco tartarugas são achadas mortas em praias em Ilhéus e Una; animais se afogaram após ficarem presos em rede, diz projeto

Cinco tartarugas são achadas mortas em praias em Ilhéus e Una; animais se afogaram após ficarem presos em rede, diz projeto 1

Imagem meramente ilustrativa

Cinco tartarugas foram encontradas mortas em praias das cidades de Ilhéus e Una, no sul da Bahia, nesta quarta-feira (6).

De acordo com informações do Projeto Amar, que monitora os animais na região, a suspeita é de que os animais tenham se afogado, após ficarem presos em redes de pesca.

Conforme o Projeto, as tartarugas precisam subir até a superfície para respirar a cada 40 minutos, e, quando elas não conseguem fazer isso, acabam se afogando.

Em Ilhéus, foram encontrados quatro dos cinco animais. O outro foi achado em Una. As tartarugas são da espécie pente, cabeçuda, oliva e verde.

Segundo o Projeto Amar, quatro animais eram adultas e o outro era uma juvenil. Todos estavam em período de reprodução.

Representantes do Projeto Amar estiveram nos locais e colheram amostras das tartarugas para estudo.

A remoção fica a cargo da prefeitura, segundo o Projeto. O G1 tentou falar com as prefeituras das cidades, mas não conseguiu contato até a publicação desta reportagem.

Ainda de acordo com o Projeto, só neste ano 25 tartarugas foram encontradas mortas no estado. A maioria delas afogadas por conta das redes de pesca, ou por ingestão de lixo, informações do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *