Notícias

Passagens aéreas já subiram 36%

Passagens aéreas já subiram 36% 1

Ao contrário do que prometeu a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), ao permitir que as companhias aéreas passassem a cobrar pelo transporte da bagagem, o preço das tarifas tem subido desde que as empresas começaram a adotar a prática.

Entre junho e setembro, essa alta chegou a quase 36% ou 35,9%, segundo dados da FGV. De acordo com levantamento do IBGE, entretanto, a elevação foi mais moderada, de 16,9%.

O preço das passagens aéreas está no centro de uma discussão entre o governo federal e as companhias do setor. No fim de setembro, o Ministério da Justiça instaurou averiguação sobre um estudo da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) que apontou tendência de queda no preço das passagens nos últimos meses.

Segundo o levantamento da entidade feito com base em dados preliminares, entre junho e o início de setembro, as tarifas recuaram de 7% a 30% nas rotas domésticas das companhias que adotaram a cobrança da mala despachada (Azul, Gol e Latam).

Os números da FGV e do IBGE, porém, mostram queda apenas em agosto, de 2,07% e 15,16%, respectivamente.

A divergência de 13 pontos porcentuais entre os índices de agosto revela a complexidade que as entidades enfrentam para calcular o preço médio das passagens e as diferentes metodologias adotadas por cada uma – é também sobre a metodologia adotada que o Ministério da Justiça questionou a Abear. Continue lendo

Ilheenses comparecem a Aparecida-SP

Ilheenses comparecem a Aparecida-SP 2

Organizadores calculam em 200 mil os visitantes este ano. Regina Célia Pereira veio de Ilhéus pedir ajuda à santa por um emprego para o marido, que é marítimo e foi demitido em março de 2016. “Com a Lava Jato todo trabalho parou. É terrível para nossa família”

Mais de 200 mil romeiros foram esperados na cidade para a celebração dos três séculos de aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida, neste feriado da Padroeira do Brasil. As pessoas vêm de todas as partes do país. Algumas caminham durante horas pelas estradas que levam ao santuário. Outras vêm a cavalo. O objetivo: agradecer por algum pedido alcançando a partir de um ato de fé e renovar pedidos. A crise, o desemprego, a ausência de perspectiva (mas não de esperança) tiveram destaque nas palavras dos fieis.

As pessoas vistas como responsáveis por este momento de desalento do país também foram lembradas pelo povo: com vaias. Entre eles o presidente ilegítimo Michel Temer – vaiado mesmo sem estar presente, apesar de ter feito convite ao papa Francisco para participar da festa. Francisco foi mais um chefe de Estado que, constrangido com o golpe no Brasil, recusou. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), também não foi poupado de vaias, assim como os representantes do governo federal, ministros Gilberto Kassab (Ciência e Tecnologia) e Antônio Imbassahy (Secretaria-Geral) não foram bem vindos na cidade batizada pela imagem encontrada há 300 anos na margem norte do Rio Paraíba, região lesta do interior paulista.

Conta a história foi uma pescaria mudou a história do catolicismo no Brasil: três pescadores – Domingos Garcia, Felipe Pedroso e João Alves – jogaram redes no Rio Paraíba, obedecendo à ordem da Câmara de Guaratinguetá de trazer o máximo possível de peixes para recepcionar do novo governador. Após horas de trabalho, porém, não tinham conseguiam nada. Até que em um dos lançamentos da rede pescaram o corpo uma imagem de barro decaptada. Na próxima tentativa veio à cabeça. Poucos minutos depois havia tanto peixe que mal podiam carregar. Continue lendo

ILHÉUS: Secretaria de Saúde anula contrato de fraldas, após o ILHÉUS.NET levantar suspeita do valor

ILHÉUS: Secretaria de Saúde anula contrato de fraldas, após o ILHÉUS.NET levantar suspeita do valor 3

Após a matéria publicada no fim do mês de setembro questionando o valor da aquisição de fraldas pelo ILHÉUS.NET (clique aqui), a Secretaria de Saúde de Ilhéus publicou no diário oficial desta terça (10), a anulação os contratos n. 063/2017-S, firmado com a empresa BOLT MEDICAMENTOS LTDA.- ME; e, 062/2017-S, firmado com a Empresa INSTRUMENTAL SÃO JORGE EIRELI, ambos decorrentes do Pregão Presencial n. 023/2017 que tinha como finalidade aquisição de FRALDAS.

Com o rompimento do contrato, a aquisição de fraldas estão suspensas, sendo necessário a partir de agora recomeçar tudo de novo, principalmente a questão de registro de preços que em conversa com a secretária de saúde, após a denúncia, ela afirmou que a ideia não era comprar a totalidade, mas sim, ir pegando de acordo com a necessidade, que é uma ótima opção para a administração pública. 

Em contato com a secretária na manhã desta quinta (12), ela informou que a anulação do contrato ocorreu , tendo em vista que o mesmo estava errado. Continue lendo

Itabuna: Fernando Gomes gasta R$ 2 milhões/mês com temporários

Itabuna: Fernando Gomes gasta R$ 2 milhões/mês com temporários 5

Fernando Gomes gasta R$ 2 milhões/mês com temporários – servidores sem concurso público, nomeados pelo Prefeito como quiser. O excesso de temporários, 1.235, existe para empregar os indicados por cabos eleitorais e aliados. Muitos não têm qualificação para o cargo, mas são empregados graças à falta de fiscalização.

Entre os temporários existem 12 “analistas de sistema”, vários sem qualificação para o cargo, que requer curso superior em analise de sistemas, sistemas da Informação, ciência da computação, análise e desenvolvimento de sistemas ou outros relacionados a Tecnologia de Informação.

Vários dos “analistas” empregados na Prefeitura de Itabuna sequer tem um diploma superior. O profissional dessa área é responsável por analisar, documentar, projetar e muitas vezes até programar e testar sistemas da informação. Continue lendo

Indício de sobrepreço coloca em risco duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna

Indício de sobrepreço coloca em risco duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna 6

Foto: Blog agravo

Anunciada com pompa pelo governador Rui Costa (PT), a duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna corre risco de nunca sair do papel por indícios de sobrepreço detectados em uma auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU). Em acórdão publicado recentemente, o TCU liberou a assinatura do contrato com a OAS, vencedora da licitação firmada sob Regime Diferenciado de Contratação (RDC), mas proibiu temporariamente o governo do estado de executar a obra com repasses do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Até que a Corte analise em definitivo as irregularidades apontadas pela Secretaria de Controle Externo (Secex) na Bahia, a duplicação ficará limitada aos projetos básico e executivo, além de demandas burocráticas.

Roda solta

Em novembro de 2016, técnicos do TCU identificaram na licitação “critérios antieconômicos que podem implicar (em ) superfaturamento” do contrato, métodos de construção “mais onerosos” e preços acima do mercado no orçamento de referência apresentado pela Seinfra. Continue lendo

Ilhéus: Estudantes são humilhados nos ônibus, entenda

Ilhéus: Estudantes são humilhados nos ônibus, entenda 7

Alguns estudantes procuraram a redação do ILHÉUS.NET, para reclamar de uma situação injusta e humilhante. Segundo os que nos procuraram, os estudantes vão ao SIT e carregam seus cartões, mas quando vão passar nas catracas, não há crédito, sendo obrigados a descerem dos ônibus.

Procurado pela nossa equipe, o SIT informou que isso ocorre, devido, a não atualização dos sistemas dos ônibus, que é realizado ainda na garagem. “Quando os ônibus estão na garagem deve ser realizada uma atualização no sistema, isso cotidianamente, vamos verificar essa situação e tomar as medidas necessárias para que isso não ocorra mais” salientou a funcionária do SIT ao ILHÉUS.NET.

Na Bahia, vendas do varejo caem 0,6% de julho para agosto

Na Bahia, vendas do varejo caem 0,6% de julho para agosto 8

Em agosto de 2017, as vendas do varejo na Bahia seguiram em queda (-0,6%) em relação ao mês anterior, na série livre de influências sazonais. Em julho, já haviam recuado 0,7% nessa comparação.

Nesse confronto, o varejo baiano teve desempenho próximo à média nacional (-0,5%) e acompanhou outros 15 estados em que as vendas recuaram. Os piores resultados registrados pelo comércio, nesse confronto, vieram de Sergipe (-1,4%), São Paulo (-1,7%) e Amazonas (-3,2%).

Dos 10 estados com aumentos nas vendas em agosto, frente a julho, os destaques foram os desempenhos de Tocantins (5,5%), Rondônia (3,9%) e Roraima (2,6%). No Paraná, as venda se mantiveram estáveis (0,0%) nessa comparação.

Apesar do resultado negativo frente a julho, quando a comparação é com o ano de 2016, as vendas do comércio varejista baiano seguem em alta (1,0%) em agosto, acelerando em relação a julho, quando haviam crescido 0,6%. Foi o terceiro incremento consecutivo das vendas nesse tipo de confronto, depois de quase dois anos e meio de recuos seguidos.

Ainda assim, em relação a agosto de 2016, o varejo baiano (1,0%) segue crescendo bem menos que a média nacional (3,6%) e mantém o segundo resultado positivo mais tímido, acima apenas do Ceará (0,2%).

Dos 27 estados, 6 tiveram quedas nas vendas do comércio em agosto17/agosto16, sendo as mais intensas em Goiás (-8,0%), Paraíba (-7,8%) e Distrito Federal (-4,0%). Por outro lado, o varejo teve seus melhores resultados, nessa comparação, em Santa Catarina (16,4%), Acre (12,9%) e Rondônia (12,8%).

As vendas do varejo baiano seguem em queda no acumulado no ano de 2017 (-1,8%) e nos 12 meses encerrados em agosto (-5,0%). Ambos os recuos são bem mais intensos que a média nacional (+0,7% e -1,6% respectivamente), mas seguem numa trajetória de desaceleração do ritmo de perdas desde o início de 2017.

Dos 27 estados, 14 ainda apresentam queda nas vendas do varejo no acumulado de 2017 e 19 seguem com resultados negativos para o acumulado em 12 meses. Continue lendo