Ilhéus

SEDUC-BA convoca professores indígenas aprovados em processo seletivo; Veja os Ilheenses convocados

SEDUC-BA convoca professores indígenas aprovados em processo seletivo; Veja os Ilheenses convocados 1

A Secretaria da Educação convocou 92 professores indígenas aprovados no Processo Seletivo Simplificado em Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), por meio do Edital N° 005/2017, nesta sexta-feira (16), no Diário Oficial do Estado (DOE). Os classificados deverão comparecer nas sedes dos Núcleos Territoriais de Educação (NTEs) aos quais pertencem os municípios para os quais foram aprovados, das 8h30 às 17h30, no prazo de dez dias úteis, a partir da data da publicação. Eles serão contratados de forma temporária, em caráter emergencial e atuarão em cidades como Ibotirama, Muquém de São Francisco, Ilhéus, Buerarema, Prado, Banzaê e Glória.

Entre os documentos necessários para a contratação, destacam-se: originais e cópias do diploma de conclusão de curso, carteira de identidade, CPF, certidão de nascimento ou de casamento, certidão de nascimento, título de eleitor e dos comprovantes dos dois últimos pleitos, PIS/PASEP, carteira de trabalho, bem como declaração de bens, número de conta corrente do Banco do Brasil e demais documentos listados no edital de convocação.

Os candidatos convocados também deverão entregar declaração expedida por líderes da comunidade (Cacique conselheiros da aldeia) onde funciona a unidade escola na qual deverá exercer as suas atividades, comprovada mediante autodeclaração de sua identidade étnica indígena e declaração de reconhecimento desta identidade por parte do grupo de origem, expedida por líderes da comunidade. Continue lendo

Rota do Chocolate, em Ilhéus (BA) ganha destaque como produto turístico nacional

Rota do Chocolate, em Ilhéus (BA) ganha destaque como produto turístico nacional 3

A demonstração do processo produtivo do chocolate em todas as suas etapas é a proposta da primeira estrada temática da Bahia, a Rota do Chocolate, que está sendo implantada no trecho da BA-262 que liga Ilhéus a Uruçuca.

O projeto de ambientação da Estrada do Chocolate é uma parceria entre o Governo do Estado, por meio das secretarias do Turismo (Setur) e do Planejamento (Seplan), Prefeitura de Ilhéus e a Associação de Turismo de Ilhéus.

O roteiro passa por várias fazendas de cacau, algumas do século 19, e permitirá ao turista conhecer também a riqueza histórica e cultural do sul do Estado. São fazendas que preservam casarões de arquitetura colonial e um pouco do patrimônio da época áurea do cacau, quando Ilhéus viveu uma fase de fausto. A ambientação da estrada inclui pórticos de acesso e centros de atendimento ao turista. Continue lendo

Ilhéus se credencia para receber Programas de Internet grátis

Ilhéus se credencia para receber Programas de Internet grátis 4

O prefeito Mário Alexandre, credenciou Ilhéus, esta semana, junto ao Ministério da Ciência e Tecnologia, em Brasília, para a inclusão do município no Programa Internet para Todos, do governo federal. A primeira fase do programa deve começar em maio deste ano e, de acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTic), devem ser instaladas 200 antenas por dia em diversas regiões do País.

Essa é uma conquista coletiva para todos que usufruem de serviços públicos, em especial cidades sem banda larga. Por exemplo: estudantes da rede pública terão acesso à rede e unidades básicas de saúde poderão usar o prontuário eletrônico. O Internet para Todos vai proporcionar, por exemplo, uma economia anual significativa no orçamento da saúde pública, já que, com a informatização, não serão repetidos exames, consultas e entregas de medicamentos.

O prefeito ressalta que o município de Ilhéus também já está inscrito no Programa Cidade Digital, graças ao apoio recebido do deputado federal Paulo Magalhães. O programa tem a missão de promover a inclusão digital nos municípios com foco na melhoria da qualidade dos serviços e da gestão pública, por meio da instalação de redes, pontos públicos de acesso à internet, sistemas de gestão na área pública e capacitação. Continue lendo

ILHÉUS: MORADORES RECLAMAM DE LIXÃO NO MALHADO

ILHÉUS: MORADORES RECLAMAM DE LIXÃO NO MALHADO 5

Moradores da Rua Severino Vieira no Malhado próximo ao bar de Barretinho, reclamam de um lixão que se formou no local e tem causado transtornos para a localidade.

Segundo informações, a Prefeitura de Ilhéus limpa todo dia, todavia, a população não está colaborando, pois estão colocando entulho, lixo doméstico em horário inadequado, e quando chove o lixo obstrui a boca de lobo.

Moradores pedem a consciência de toda comunidade, e da Prefeitura, pois a mesma pode colocar uma caixa coletora no local. Continue lendo

Prefeito de Ilhéus é recebido por ministro dos Transportes para discutir Fiol e Porto Sul

Prefeito de Ilhéus é recebido por ministro dos Transportes para discutir Fiol e Porto Sul 6

Foto: SECOM

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, participou em Brasília de uma reunião com o ministro dos Transportes, Maurício Quintella. O encontro foi para debater a retomada das obras da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol) e o início das obras de construção do Porto Sul, em Ilhéus, investimentos considerados como fundamentais para a retomada do crescimento econômico de Ilhéus e da região.

“Trata-se da retomada de duas importantes obras estruturantes que já estavam desacreditadas pela população regional”, disse o prefeito de Ilhéus, informando ainda que, já no segundo semestre deste ano será lançado o edital de terceirização para a retomada dos projetos. Dentre outras autoridades, participaram do encontro o presidente da Valec, Mário Manolfo, e da Bahia Mineração (Bamin), Eduardo Ledsham.

Grandiosidade e importância – A Fiol vai ligar Figueirópolis, no Tocantins, ao porto de Ilhéus, no sul da Bahia. Conforme o projeto, serão 1.526 km de extensão. Na Bahia, as obras da Fiol são divididas em FIOL 1 (Ilhéus/ Caetité) e FIOL 2 (Caetité/ Barreiras). As obras de construção que começaram em 2011, ainda não chegaram a 30% do previsto para os lotes da Bahia. Dos 12 lotes da obra, oito passam pela Bahia, onde a ferrovia é uma esperança para o escoamento de grãos e minério. Continue lendo

ILHÉUS: Alunos da Uesc, Ifba e Senai pedem nova linha de ônibus

ILHÉUS: Alunos da Uesc, Ifba e Senai pedem nova linha de ônibus 7

Alunos da Uesc, Ifba e Senai que residem no bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus, estão pedindo à Viametro que coloque uma nova linha, saindo diretamente do local entre 6h30 e 6h40, com destino ao Salobrinho. Eles dizem que o problema é a superlotação das atuais.

Todos os dias, de segunda a sexta-feira, quem pega ônibus no Vilela em direção ao Salobrinho já encontra os veículos lotados, porque um vem do bairro Iguape e outro da Barra. “Precisamos de um que saia direto do Vilela e sairá cheio”, dizem.

Muitas vezes, segundo os estudantes, o motorista sequer para no bairro, porque não tem como acomodar mais nenhum passageiro. “Solicitamos um posicionamento da Secretaria Municipal de Transporte, para que a demanda seja atendida”. Continue lendo

ILHÉUS: Fiscalização atrasa cacau no porto

porto-de-ilheus

Depois da mudança nas regras de fiscalização sanitária para a importação de cacau, no início deste ano, as indústrias processadoras estão com dificuldade para receber cargas já desembarcadas.

Há 20 dias, 15 mil toneladas importados de Gana estão “armazenadas” em caminhões no porto de Ilhéus, aguardando análise laboratorial, segundo a Associação da Indústria Processadora de Cacau (AIPC). Antes, o procedimento não era exigido.

No fim do ano passado, a Secretaria de Defesa Vegetal do Ministério da Agricultura alterou a análise de risco de pragas do cacau importado de Gana, Costa do Marfim e Indonésia, com regras de controle mais rígidas.

O objetivo é dar segurança sanitária à cadeia do cacau, para que a indústria possa importar da Costa do Marfim, após uma suspensão de 6 anos. Mas a mudança também está afetando os desembarques de Gana.

A nova análise de risco prevê que fiscais do ministério coletem amostras para análise. O único laboratório credenciado para esses testes fica no Rio Grande do Sul, distante do polo industrial baiano. Também passou a ser obrigatório o acompanhamento de fiscais no transporte da carga às indústrias e na incineração das sacarias pelas empresas. Continue lendo