Educação

Estudantes com bom desempenho receberão bolsa de R$ 200 nas escolas estaduais

Estudantes com bom desempenho receberão bolsa de R$ 200 nas escolas estaduais 1

O governador Rui Costa e o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, lançam, nesta segunda-feira (2/9), às 15h, o projeto Mais Estudo, no auditório da Secretaria da Educação do Estado (SEC), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Trata-se de mais uma ação voltada ao fortalecimento das aprendizagens em Língua Portuguesa e Matemática nas escolas da rede estadual de ensino. Com o projeto, estudantes com bom desempenho escolar, com notas iguais ou superiores a 8, serão selecionados para auxiliar os colegas que tenham dificuldade de aprendizagem.

Os monitores receberão uma bolsa mensal de R$ 200, por três meses, e terão o acompanhamento de professores supervisores e dos coordenadores pedagógicos. A previsão é que sejam investidos recursos na ordem de R$ 4,5 milhões em bolsas. Além de fortalecer as aprendizagens dos estudantes, o Mais Estudo também visa despertar no aluno monitor o desejo pela prática docente por meio de atividades de natureza pedagógica e contribuir com práticas inovadoras de ensino e de aprendizagem, considerando a fluidez do diálogo e a aproximação existente entre os estudantes.

Para participar do Mais Estudo as escolas devem fazer a adesão ao projeto, indicando os estudantes e professores envolvidos, dentre outras informações previstas no edital e nas orientações pedagógicas que a SEC disponibilizará no Portal da Educação. A previsão é que a monitoria comece a ser realizada nas escolas já na segunda quinzena de setembro, quando inicia a terceira unidade letiva. Continue lendo

SEBRAE oferece 560 vagas gratuitas em cursos, oficinas e capacitação na BA

 

SEBRAE oferece 560 vagas gratuitas em cursos, oficinas e capacitação na BA 2

SEBRAE oferece 560 vagas gratuitas em cursos, oficinas e capacitação na Bahia. O Sebrae já está com inscrições abertas para as capacitações que serão realizadas no mês de setembro.

No total, serão 800 vagas em Ilhéus; Itabuna; Itajuípe e Itacaré; sendo que 560 delas são gratuitas. A programação inclui cursos; palestras; oficinas e seminários; que terão foco em inovação.

Entre as capacitações para quem deseja abrir o próprio negócio, o Sebrae vai oferecer orientação gratuita sobre planejamento, legalização de empresas e tendências de negócio, durante a Sexta da Oportunidade, que acontecem nos dias 13 e 27, em Ilhéus e em Itabuna, respectivamente. Continue lendo

ILHÉUS: Seduc realiza formação continuada para profissionais da Educação Infantil

ILHÉUS: Seduc realiza formação continuada para profissionais da Educação Infantil 3

A Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) realizou uma capacitação continuada em rede para professores da Educação Infantil, no auditório do Centro Administrativo, bairro da Conquista, na última terça-feira (27). As formações têm a parceria da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e visam elaborar um documento que oriente didaticamente os docentes no trabalho sobre as questões étnico-raciais em sala de aula.

Povos indígenas e seus saberes foi o tema abordado no encontro, ministrado pelo professor Casé Angatu Xucuru Tupinambá. O professor compartilhou as suas experiências e apresentou a Lei nº 11.645/08, que estabelece Diretrizes e Bases da Educação Nacional e torna obrigatório no currículo oficial da rede de ensino a temática sobre a história e cultura afro-brasileira e indígena. As formações são organizadas pela professora Mariângela Bahia e acontecerão até o final do ano. Continue lendo

Novo Fundeb será lançado com o triplo de verbas federais

Novo Fundeb será lançado com o triplo de verbas federais 4

Desde 1998, o Brasil conta com uma sofisticada engrenagem contábil que impede que escolas pertencentes a estados e prefeituras pobres fiquem na penúria. Trata-se do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), que recolhe verbas públicas e reparte o montante entre todas as 27 redes estaduais e 5.570 redes municipais de ensino.

Tomem-se como exemplo as escolas municipais. A prefeitura, o estado e o governo federal investiram em 2015 um total de R$ 3.150 em cada aluno da rede municipal (ou R$ 260 por mês). Foi um valor longe do ideal, mas teria sido ainda mais baixo caso o Fundeb não existisse. Sem o fundo, o investimento em cada estudante teria ficado em irrisórios R$ 400 anuais (ou R$ 35 mensais). Os cálculos são da ONG Todos pela Educação.

O Fundeb, porém, está prestes a expirar. Criado como um mecanismo provisório, ele vigorará só até 31 de dezembro de 2020. A sobrevivência do fundo está nas mãos do Congresso Nacional. Neste momento, os senadores e deputados federais estudam três propostas de emenda à Constituição (PECs) que garantem a renovação em 1º de janeiro de 2021. Continue lendo

Coordenador geral do DCE UESC defende a implementação da política de permanência estudantil no estado da bahia

DCE UESC

No último final de semana, dias 23 a 25 de agosto, o coordenador geral do DCE UESC, Josimar Ferreira participou do 8° Congresso da União dos Estudantes da Bahia (UEB), realizado na Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), na cidade de Juazeiro. O evento contou com a participação de estudantes dos quatro cantos da Bahia e diversas universidades públicas e privadas do estado. Durante os três dias as e os estudantes presentes no congresso debateram os rumos do movimento estudantil, a defesa da educação pública e a luta em defesa das Universidades Estaduais Baianas, além de eleger a mais nova diretoria da entidade.

Continue lendo

Fisioterapia da Faculdade Madre Thaís forma a primeira turma

Fisioterapia da Faculdade Madre Thaís forma a primeira turma 5

A Faculdade Madre Thaís (FMT-Ilhéus), realizou no Centro de Convenções Luiz Eduardo Magalhães, na Avenida Soares Lopes, sexta-feira (23), a solenidade de colação de grau da primeira turma do curso de Fisioterapia. A solenidade foi presidida pelo diretor Geral da instituição de ensino superior, Eusínio Lavigne Gesteira.

O curso foi autorizado pelo Ministério da Educação em abril de 2014 e iniciou a sua primeira turma em agosto do mesmo ano. Em dezembro de 2017 teve seu reconhecimento, pelo MEC, com nota satisfatória.

Foram cinco anos de intensas atividades da primeira turma concluinte, com 50 novos bacharéis em Fisioterapia. O culto ecumênico, também foi realizado no Centro de Convenções, no dia 22. Continue lendo

Cientistas da UESC e mais 16 universidades criam livros infantis sobre girinos nos biomas brasileiros

Cientistas da UESC e mais 16 universidades criam livros infantis sobre girinos nos biomas brasileiros 6

Projeto Girinos do Brasil: seis livros por 22 pesquisadores de 17 universidades públicas brasileiras (Reprodução)

Uma coleção de seis livros com base científica apresenta às crianças a vida dos girinos, sapos, rãs e pererecas encontrados em mais de 1 mil lagos e poças d´água de todo o Brasil. As obras devidamente ilustradas para o público infanto-juvenil fazem parte do projeto Girinos do Brasil, pesquisa que integra o Sistema Nacional de Pesquisa em Biodiversidade do Brasil (Sisbiota) e é desenvolvida por 22 pesquisadores de 17 universidades públicas brasileiras – UFABC, Unifesp, UFG, UFMA, UFAM, UFC, UESC, UEFS, UFMS, UFMT, UFBA, UFMG, UFPR, UFAL, Unila, USP e Unesp.

Os livros foram lançados em maio deste ano, estão disponíveis para download e as edições impressas estão sendo distribuídas pelos pesquisadores nas escolas públicas de seus respectivos estados. O primeiro título “De girino a adulto: muita história para contar” faz uma introdução sobre a pesquisa e os cincos restantes trazem curiosidade sobres os girinos e informações sobre os diferentes biomas brasileiros: Amazônia, Pantanal e Chaco, Mata Atlântica, Caatinga e Cerrado.

Todos seguem uma estrutura comum, mas revelam dados específicos da realidade de cada região. A leitura não depende de uma sequência. O título da Mata Atlântica explica como os girinos são identificados e nomeados. O título sobre o Cerrado aborda a interação e de que forma esses seres interagem e se protegem dos predadores. Na Caatinga, os cientistas explicam como eles se adaptam para viver na seca. No Pantanal, o tema chave é a alimentação, e por fim, no livro sobre a Amazônia é abordada a forma de reprodução dos girinos. Continue lendo

Sem verba, UFSB desliga até ar-condicionado para economizar energia

Sem verba, UFSB desliga até ar-condicionado para economizar energia 7

Com o contingenciamento de 30% das verbas para as universidades federais por parte do Ministério da Educação, desde maio, a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) anunciou várias medidas para se adequar aos valores que tem recebido do governo federal, dentre elas até o desligamento dos aparelhos de ar-condicionado para não haver risco de corte de energia.

Uma das mais recentes universidades federais criadas na Bahia – foi instituída pela Lei nº 12.818 de 5 de junho de 2013, a UFSB possui campus em Itabuna (sede da reitoria), Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

No último dia 5 de agosto, o MEC enviou 6% do orçamento discricionário de custeio para a UFSB, o que equivale a R$ 868.927, valor que não atende às demandas contratuais da universidade, conforme um comunicado oficial. Continue lendo