O Movimento Cultural Povos de Terreiro e Nações de Candomblé de Ilhéus (MCPTI) lança a primeira pré-candidatura coletiva à Câmara de Vereadores de Ilhéus. A chapa é composta por Mamet’u Ndengue Kongolejy (Nação Angola), Ekèdji Odoirê Thay de Ogùn (Nação Ketu), Ekedjy Sil Caldeira (Nação Ketu) e Taata Riá Nkisi Ykatamba (Nação Angola).

Com o lema “Quem é de Axé, não nega sua fé”, a pré-candidatura pelo partido Avante busca combater a intolerância religiosa e o racismo estrutural, defendendo direitos fundamentais como educação, saúde e infraestrutura. Este marco histórico destaca a importância da representatividade dos povos de terreiro nas decisões políticas de Ilhéus.

Este avanço significativo na inclusão política e social promete trazer diversidade e igualdade para a política local, celebrando os quase 500 anos de história de Ilhéus com um passo importante rumo à democracia plena.

::Publicidade
Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *