Tripulantes deram entrevista ao chegar em Salvador. Crédito: Reprodução/TV Bahia

O veleiro que naufragou próximo a Ilhéus, foi atingido por uma baleia. A informação foi divulgada por um dos tripulantes, que chegou a Salvador, na manhã desta quinta-feira.

“A baleia deu um espetáculo, foi um pulo muito bonito, mas infelizmente colidiu com a gente. Não tinha sido o primeiro, mas foi esse que avariou o barco”, disse o tripulante, em entrevista à TV Bahia.

O veleiro em que eles estavam saiu do Rio de Janeiro e tinha como destino Alagoas. Eles acreditavam que não teriam grandes problemas e que conseguiriam chegar a Salvador. Apesar do susto, eles conseguiram acionar a capitania dos portos para aguardar o resgate. “Estava muito preocupado com o agito do mar, tínhamos que administrar para ficar em uma condição melhor”, afirmou outro tripulante.

Um outro tripulante contou que ao longo da viagem eles sempre desviavam de grandes navios, mas que ficou muito feliz ao avistar o navio da Marinha. “Nunca fiquei tão feliz em ver um navio”, disse um dos velejadores após o resgate.

Resgate

Em nota, a Marinha do Brasil informou que a Delegacia da Capitania dos Portos em Ilhéus (DelIlheus) iniciou a coordenação das ações e o Salvamar Leste, serviço operado pelo Comando do 2º Distrito Naval, começou a Operação de Busca e Salvamento (SAR), com o envio da Corveta “Caboclo” para ajudar nas buscas.

A Marinha também divulgou um Aviso aos Navegantes e realizou chamadas pela Rede Nacional de Estações Costeiras (RNEC), com o objetivo de dar ampla divulgação do fato e solicitar apoio a todas as embarcações que navegavam nas áreas próximas. A Força Aérea Brasileira, por intermédio do Salvaero Recife, também foi acionada pela Marinha do Brasil para auxiliar na busca dos três náufragos.

Também foi solicitado apoio às embarcações próximas do local. O navio mercante “DAN SABIA”, navegando na região, alterou o seu rumo para a área do naufrágio e, às 12h48, realizou o resgate.

Informações do Correio 

::Publicidade

Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *