Visita dos agentes de combate às endemias - Ilhéus
Foto: PMI

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) orienta a população ilheense para a prevenção e eliminação de focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor das arboviroses dengue, febre amarela urbana, zika vírus e chikungunya. A Sesau pede aos munícipes que redobrem os cuidados, pois além da pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19), outras doenças também são motivos de preocupação.

A chegada do verão favorece mudanças do tempo, com altas temperaturas e chuvas rápidas, condições propícias para a proliferação do mosquito. As equipes de combate às endemias realizam diariamente um trabalho educativo, visando diminuir o índice de infestação da dengue no município. 

“Os agentes realizam visitas e orientam os moradores, mas é importante que a comunidade em geral faça a sua parte, porque o combate depende da conscientização de todos”, destaca o prefeito Mário Alexandre.

Disque-denúncia – O munícipe pode efetuar denúncias de possíveis criadouros do mosquito em terrenos baldios, casas abandonadas e áreas mais críticas, através do número (73) 3234-2031.  O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h. A comunidade também deve contribuir com a ação preventiva, cobrindo tanques e tonéis, evitando o acúmulo de garrafas, copos descartáveis, latas, pneus, dentre outros objetos que ficam a céu aberto com água parada.

SECOM/PMI

::Publicidade
Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *