Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Cerca de 32 vigilantes, que prestam serviços a Embasa em Feira de Santana, através de uma empresa terceirizada, paralisaram as atividades nesta sexta-feira (30) para reclamar do atraso de salários e falta de pagamento do ticket alimentação e vales-transporte.

Wilson Pereira dos Santos, que é presidente do Sindivigilantes, disse ao Acorda Cidade que os trabalhadores estão há 60 dias com os salários atrasados e a paralisação de hoje é um ato de advertência para que a empresa prestadora de serviços possa resolver a questão.

“O sindicato, principalmente o de Salvador, já fez o pedido do bloqueio de recursos e o resultado saiu ontem. São 753 mil reais para pagar os salários dos trabalhadores. Mas, essa decisão para permitir o pagamento, exige o prazo de cinco dias úteis. Contando a partir de hoje e termina na próxima sexta-feira. Mas, isso não é interessante para a gente. Eles podem fazer o pagamento hoje se quiserem e vamos manter a paralisação até resolver a questão”, declarou.

De acordo Wilson, a paralisação de hoje é um movimento em conjunto dos sindicatos de Feira de Santana, Salvador, Camaçari e Itabuna. A categoria também realiza portestos no Centro Administrativo da Bahia (CAB) em Salvador para reivindicar direitos.

A reportagem do Acorda Cidade tentou entrar em contato com a empresa que presta serviços a Embasa, mas não teve retorno.

Com informações do repórter Paulo José do Acorda Cidade.

::Publicidade
Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *