Você está em: Home » Itabuna » Policlínica Regional retoma atendimento em Itabuna

Policlínica Regional retoma atendimento em Itabuna

Foto: Paula Fróes

Após meses de suspensão do atendimento por conta da pandemia da Covid-19, a Policlínica Regional de Itabuna, mantida pelo Governo do Estado e um consórcio intermunicipal, retomou esta semana os serviços oferecidos a população regional. “Foi feito um rigoroso planejamento para o retorno gradual das atividades nas policlínicas regionais, sendo aplicados todos os protocolos de segurança; o objetivo do governador Rui Costa é, em primeiro lugar, salvar vidas”, disse o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas.

De acordo com a diretora geral da unidade, Elizia Meire R. Couto, o atendimento foi retomado neste primeiro momento de forma parcial, sendo atendidos apenas pacientes de Ilhéus e Itabuna. A expectativa é de que seja ampliado para os pacientes dos demais municípios na próxima semana.

“Estamos ofertando em média 200 consultas/exames por dia, das diversas especialidades: Angiologia, Anestesiologia, Cardiologia, Cirurgia Geral, Endocrinologia, Gastroenterologia,Ginecologia/Obstetrícia, Mastologia, Neurologia, Ortopedia, Oftalmologia, Otorrino e Urologia. Vale ressaltar que o atendimento está sendo feito das 07 às 18 horas”, informou a diretora. Entre os exames disponibilizados, Mamografia, Ultrassonografia, Ecocardiograma, Eletrocardiograma, Raios-X, Ressonância Magnética e Tomografia Computadorizada.

Entre as medidas de prevenção que a direção da unidade adotou para a retomada do atendimento: testagem para detecção da Covid-19 de todos os servidores; obrigatoriedade do uso de equipamentos de proteção individual; instalação de lavatórios na área externa; triagem de todos pacientes e funcionários na entrada da Policlínica; redução em 50% dos atendimentos para evitar aglomeração; instalação de barreiras físicas nas recepções e organização dos assentos de modo que o distanciamento social seja respeitado.

Também a disponibilização de álcool em gel nas dependências da Policlínica; redução em 50% do número de pacientes no transporte sanitário; intensificação da higienização da unidade; e colocação de cartazes informativos sobre as medidas de prevenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *