Decreto libera hotéis, acesso à praias e magazines em Ilhéus

Após 52 dias desde a publicação do último decreto de flexibilização da segunda fase do plano para reabertura do comércio de Ilhéus, o Prefeito Mário Alexandre, após avaliação durante reunião do Gabinete de Crise, publicou na manhã desta quarta-feira (22) no Diário Oficial do município, um novo decreto, nº 52,que autoriza a retomada dos segmentos da terceira fase, que são as atividades consideradas de risco médio.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Vinicius Briglia, “o comércio não é o vilão da pandemia”. Ele assegura que desde a reabertura do segmento econômico “o município mantém a taxa de contaminação diária sob controle”. De acordo com Briglia, ela se mantem em um nível aceitável e o municipio segue com capacidade de atendimento da população no sistema público de saúde.

O cenário, segundo o secretário, é favorável ao avanço. Apesar do registro, em diversos momentos, de grandes aglomerações, Briglia assegura que “a população está consciente e vindo ao centro só se houver necessidade”. Pelos seus cálculos, entre os meses de março e maio, Ilhéus perdeu 1.800 postos de trabalho no segmento e é preciso recuperar estas vagas. Ele projeta que isso deva acontecer até o final do ano. Na opinião de Briglia, a pandemia atrapalhou o crescimento que a cidade passava.

O funcionamento dos estabelecimentos está condicionado ao integral cumprimento das exigências de higiene e demais medidas de prevenção e controle da Covid-19. O acesso à praia também foi liberado, exceto para a prática de atividades em grupo como futebol, vôlei e afins, assim como as que gerem aglomeração. Com os serviços essenciais e de baixo risco das fases 1 e 2 já autorizados, novos segmentos, com essa medida, passam a funcionar a partir da 0 hora desta quarta-feira (22).

De acordo com o decreto, estão autorizados a retomar as atividades comerciais negócios como floriculturas; papelaria e livraria; lojas de eletrodomésticos, áudio e vídeo; varejo de equipamentos de telefonia e comunicação; tabacarias, cigarros e afins; lojas de brinquedos e artigos recreativos; lojas de departamentos e variedades ou magazines; comércio varejista de equipamentos e suprimentos de informática; lojas de cosméticos; hotéis e afins; estabelecimentos bancários e financeiras. A autorização da terceira fase está respaldada pelo relatório elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde, conforme exigências e condições de índole técnica.

Veja aqui o Decreto

Informações do Jornal Bahia On Line

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2020/07/decreto-libera-hoteis-acesso-a-praias-e-magazines-em-ilheus.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.