Você está em: Home » Ilhéus » Mesmo com decreto municipal, igreja católica em Ilhéus não retornará celebrações públicas durante pandemia

Mesmo com decreto municipal, igreja católica em Ilhéus não retornará celebrações públicas durante pandemia

Igreja da Piedade

Igreja da Piedade – Foto Alfredo Filho

Mesmo com o decreto assinado no sábado (23),  pelo Prefeito Mário Alexandre (PSD), que libera com recomendações as instituições religiosas para realização de missas e  cultos, o Bispo de Ilhéus, Dom Mauro Montagnoli, juntamente com os padres, decidiram que as celebrações públicas da igreja católica não devem voltar durante a pandemia. 

Essa medida tem como objetivo evitar aglomerações durante missas. Pensando no bem-estar dos fiéis e até mesmo do funcionamento da igreja, desde o dia 18 de março às celebrações passaram a ser transmitidas ao vivo nas redes sociais, sem a presença dos devotos nos santuários.

Ao contrário da Igreja Católica, os “protestantes” vão se sujeitar ao decreto municipal que autorizou o funcionamento de toda a forma de culto, desde que obedeça as recomendações do decreto.

Veja abaixo a nota da Diocese de Ilhéus:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *