Concurso para médicos e odontólogos da PM-BA tem salário até R$ 7,1 mil

Concurso para médicos e odontólogos da PM-BA tem salário até R$ 7,1 mil 1

O Diário Oficial do Estado da Bahia publica, nesta sexta-feira (25), edital de abertura de inscrições ao concurso público para seleção de candidatos a oficiais de saúde da Polícia Militar da Bahia (PM-BA). Serão disponibilizadas 17 vagas, sendo 11 para médico e seis para odontólogo, que vão assumir o posto de 1° tenente na corporação. A carga horária é de 40 horas semanais e a remuneração chega a R$ 7.164,19.

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, no site da empresa organizadora, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), disponível no endereço www.ibfc.org.br. O prazo terá início a partir das 9h do dia 28 de outubro, seguindo até 23h59 do dia 26 de novembro. A taxa de inscrição será no valor de R$ 150 e a importância deve ser paga mediante boleto bancário. Importante lembrar que tanto a inscrição quanto o pagamento da taxa devem observar o horário de Brasília.

As 11 vagas para médico serão distribuídas entre as regiões de Salvador, Barreiras, Itabuna e Juazeiro. Serão convocados cardiologistas, ortopedistas, psiquiatras e clínicos gerais. Já as seis vagas para odontólogo são para atuar em Salvador, Itabuna e Juazeiro. Na capital é preciso ser especialista em implantodontia, periodontia e prótese dentária. Nos municípios do interior, as vagas são para cirurgião dentista.

Cargos e requisitos

Para concorrer, é necessário diploma, devidamente registrado, de bacharel em medicina ou odontologia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e registro em conselho de classe, conforme especialidade a que concorreu, tanto para médico quanto para odontólogo.

Provas

O certame é composto por três etapas: a primeira conta com provas objetivas de conhecimentos gerais e de conhecimentos específicos. A segunda etapa compreende prova discursiva. As provas serão aplicadas em janeiro de 2020, na cidade de Salvador. Candidatos que necessitarem de condições especiais para realização das provas, como lactantes, devem observar as regras previstas em edital. A terceira etapa é de prova de títulos. As três têm caráter eliminatório e classificatório.

O candidato deve possuir nacionalidade brasileira ou portuguesa (de acordo com a legislação), idade entre 18 e 30 anos completos, estatura mínima de 1,60 para homens e 1,55 para mulheres, aptidão física e mental para desempenho das atribuições, entre outras. Outro item importante é a autodeclaração como negro ou pardo. O procedimento é facultativo, mas, candidatos que optarem pelas cotas, terão a autodeclaração referendada pela comissão de heteroidentificação, constituída pela IBFC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *