Motoristas de aplicativo protestam contra projeto na Câmara de Ilhéus

Motoristas de aplicativo protestam contra projeto na Câmara de Ilhéus 1

Uma grande manifestação foi realizada nesta terça-feira, 20, por motoristas de transporte de passageiros por aplicativo que trabalham em Ilhéus. Eles reivindicaram o projeto de lei que visa regulamentar o serviço na cidade, onde há mais de 350 condutores e cerca de 65 mil usuários cadastrados até o momento. 

O grupo se concentrou na Avenida Soares Lopes, desceu em carreata em direção à Câmara Municipal, onde realizou um buzinaço e, em seguida, ocuparam as cadeiras do plenário Gilberto Fialho. O projeto de lei de autoria dos vereadores Ivo Evangelista (PRB) e Fabrício Nascimento (PSB), prevê que só poderão ser usados no transporte veículos com até 08 anos de fabricação, limitando a 4, a quantidade de passageiros por carro, além de obrigar que os motoristas informem a origem e destino da viagem, tempo de duração e distância do trajeto, como também o tempo de espera para a chegada do veículo ao destino. 

Um dos representantes da categoria disse à reportagem do Site Fábio Roberto Notícias que o projeto de lei sequer foi debatido com a classe e muito menos foram convidados para elaboração da lei. “Esse projeto da maneira que foi criado busca inviabilizar o trabalho dos pais de família na cidade de Ilhéus, e que as exigências são praticamente impossíveis de serem atendidas. A medida que os vereadores pretendem adotar é arbitrária e ilegal, pois na verdade, burocratiza e prioriza os outros meios de transportes de passageiros que já circulam na cidade”, declarou.

Após o intenso protesto dos motoristas no interior da Câmara, os idealizadores do projeto, vereadores Ivo Evangelista e Fabrício Nascimento, retiraram a matéria de pauta, e decidiram ouvir a categoria em reunião, que ocorrerá na próxima segunda-feira, dia 26, às 09hs, na Câmara de Vereadores.

Informações do FRN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *