Hospital de Base de Itabuna registrou 130 óbitos em julho

Hospital de Base de Itabuna registrou 130 óbitos em julho 1

Documentos que comprovam ao menos 130 mortes no mês de julho no Hospital de Base de Itabuna, com gestão municipal, foram publicados recentemente pelo Plantão Itabuna. Segundo o registro, na maior unidade hospitalar da cidade houve vítimas de morte natural e pessoas mortas de forma violenta que, chegaram a ser socorrida para o HBELEM.

A unidade de saúde já ganhou o apelido de “hospital da morte” na região. De acordo com o jornal A Região, o sucateamento elevou em 3,68 vezes o número de óbitos entre 2004 e 2008. Em 2004, a média era de 25 óbitos por mês, quatro anos depois saltou para 92.

O assunto foi discutido na Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa da Bahia. Deputados apontaram a necessidade de verificar a origem desses pacientes que acabam morrendo no Hospital de Base de Itabuna e em que estado de saúde eles chegam à unidade médica.

O prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, exonerou na semana passada o secretário de Saúde de Itabuna, Jozimar Sales. De acordo com o site Pimenta, o secretário foi o quinto chefe da pasta a ser exonerado sob a gestão do atual prefeito. Diante do fato, a reportagem procurou a prefeitura de Itabuna, via assessoras e diretor de comunicação, para tratar do assunto. As ligações e mensagens de WhatsAPP não foram respondidas, informou a página Estado da Bahia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *