URUÇUCA: Suspeito de matar colega com mais de 20 golpes de faca é preso; ciúmes de amizade da namorada com vítima motivou crime

O homem suspeito de matar o colega de trabalho com mais de 20 golpes de faca, em Ilhéus, em 2 de janeiro, foi preso em Uruçuca, na mesma região, na terça-feira (19). O crime ocorreu em uma fazenda da zona rural de Ilhéus, cidade da mesma região.

Rilan Alves Cândido morreu após ser atingido 14 vezes nas costas, além de ferimentos no tórax, rosto e braço.

Desde o crime, a polícia tinha Weverton Moraes Santos, o Evinho, de 21 anos, como principal suspeito. A justiça já havia expedido um mandado de prisão preventiva contra ele.

De acordo com a Polícia Civil, Weverton teria matado Rilan, porque estava com ciúmes da amizade da vítima com sua namorada. O homem foi encaminhado para 7ª Coorpin de Ilhéus.

Segundo o delegado Luciano Medeiros, o suspeito e a vítima moravam na mesma fazenda.

“Eles eram amigos e inclusive estudavam na mesma escola, em Uruçuca”, afirmou o delegado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *