Homem é preso com 1.400 imagens pornográficas de crianças na Bahia

Delegados apresentam o resultado da operação na Dercca (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Uma operação nacional de combate ao abuso e exploração sexual infantojuvenil cumpriu oito mandados de busca e apreensão e prendeu, em flagrante, um homem na Bahia, nesta quinta-feira (28). O técnico em informática Luiz Leal da Silva, 33 anos, estava em Guanambi, no Centro-Sul do estado, quando foi surpreendido pelos investigadores.

A ação foi realizada em diversos estados pelas Polícias Civis e coordenada pelo governo federal. Com Luiz, os policiais apreenderam computadores, celulares, pendrives e memórias para armazenamento de dados e HD’s, contendo mais de 1.400 imagens de pornografia infantil.

Já os oito mandados de busca de apreensão foram cumpridos em Salvador (4), Lauro de Freitas (2), Jacobina (1) e Guanambi (1). A operação foi batizada de Luz na Infância.

Em Salvador, foram cumpridos mandados nos bairros do Bonfim, Jardim Cruzeiro, Itapuã e Paripe. Em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana, foram nos bairros de Itinga e Centro. O material apreendido foi enviado para a perícia técnica.

A força-tarefa foi coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MSP) e envolveu Polícias Civis do Distrito Federal e de 26 estados. Na Bahia, as ações foram dirigidas pelo Departamento de Polícia Metropolitana (Depom), com a Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), e com o apoio do Departamento de Inteligência Policial (DIP). Cerca de 60 investigadores baianos participaram das ações.

Luz da Infância

Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais, que apresentavam indícios suficientes de crime.

Essas informações foram repassadas às Polícias Civis dos 26 estados e do DF que, por sua vez, instauraram inquéritos e solicitaram aos juízes locais para expedição dos mandados de busca e apreensão. Em todo o país, 1,5 mil policiais participaram da operação.

Segundo a Polícia Civil da Bahia, houve também colaboração da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, por meio da Polícia de Imigração e Alfândega em Brasília, oferecendo cursos e capacitações que subsidiaram as quatro fases da Operação Luz na Infância, informou o Correio.

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2019/03/homem-e-preso-com-1-400-imagens-pornograficas-de-criancas-na-bahia.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.