Itabuna: TJ mantém liminar que obriga abertura de hospital; local funciona em parte

O presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Gesilvado Britto, negou uma liminar da prefeitura de Itabuna, no sul, que queria o fechamento do Hospital São Lucas por alegar falta de recursos. A decisão foi publicada no Diário Eletrônico da Justiça nesta sexta-feira (21). Neste ano, o hospital – que pertence à Santa Casa de Misericórdia – ficou fechado totalmente entre 31 de maio e 23 de julho. Em Itabuna, a gestão de recursos do Sistema Único da Saúde (SUS) é gerida pela prefeitura.

Na mesma unidade de saúde, o pronto-socorro não atende à população desde 9 de janeiro passado. O fato faz sobrecarregar os atendimentos no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. Atualmente, o Hospital São Lucas funciona apenas com internação nos 50 leitos disponíveis após um acordo feito entre a prefeitura e a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, conforme o BN.

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2018/09/itabuna-tj-mantem-liminar-que-obriga-abertura-de-hospital-local-funciona-em-parte.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.