ITABUNA: Após desabamentos, perícia aponta necessidade de demolição de prédio que abrigaria shopping

Parte de obra inacabada de shopping popular desabou pela segunda vez em menos de dois anos em Itabuna — Foto: Raphael Marques/TV Santa Cruz

Uma perícia realizada no prédio em construção que abrigaria um shopping popular, na cidade de Itabuna, aponta a necessidade de demolição do imóvel, após a estrutura ter dois desabamentos em menos de dois anos. A informação foi divulgada pela Justiça na tarde de quinta-feira (27).

De acordo com o juiz Ulisses Mainard Salgado, da Vara da Fazenda Publica de Itabuna, que é responsável pelo caso, o laudo aponta vários problemas no prédio, incluindo falhas na estrutura da laje e no posicionamento das vigas, que podem causar novos desabamentos.

Conforme o juiz, as partes envolvidas no caso — Prefeitura de Itabuna, construtora, Ministério Público da Bahia (MP-BA) e camelôs que trabalhariam no local — serão intimadas para se posicionar. O grupo terá 15 dias para dar resposta. Em seguida, o juiz decidirá o destino do prédio.

O imóvel está interditado desde julho deste ano, quando desabou pela segunda vez. O primeiro desabamento ocorreu em 2016. Ninguém ficou ferido em nenhum dos casos.

Após o segundo desabamento, a Justiça determinou a demolição de parte do prédio, por conta do risco de novos desabamentos. Em agosto, o serviço foi realizado. Desde então, o caso está na Justiça.

Caso

O prédio está em construção desde 2014. Foram gastos mais de R$ 2 milhões para construir o imóvel, que tem três andares e 150 boxes, que deveriam abrigar os vendedores ambulantes que atualmente ocupam a Praça Adami, no centro da cidade, informou o G1.

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2018/09/itabuna-apos-desabamentos-pericia-aponta-necessidade-de-demolicao-de-predio-que-abrigaria-shopping.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.