ILHÉUS: Comandado por “egressos” dos governos de Valderico, Newton e Jabes, governo Marão entra em percursos intrincados

Recentemente, o vice-prefeito de Ilhéus, Nazal (REDE) e Emílio Gusmão (REDE), deixaram seus cargos na Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável. 

O vice Nazal já vinha sendo “fritado” pelo núcleo duro do governo Mário Alexandre, assim como Gusmão. No mês passado, tirou uma licença médica de 30 dias por problemas de saúde, prejudicada pelo acúmulo de muitas funções.

Ainda, no ano passado, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável autorizou a suspensão do embargo após emissão de laudo técnico que atestou a ausência de riscos iminentes ao ambiente. O empresário, Engenheiro Ednaldo Azevedo, aceitou tocar a operação da usina, enquanto o município finaliza a licitação e contrata nova operadora para o imprescindível equipamento. Destarte, o governo municipal, não avançou e a cidade está tomada de buracos. 

Quando “Marão” autorizou o aumento da passagem de ônibus em Ilhéus, para R$ 3,50, Nazal e seu partido foram contra e deixaram isso claro publicamente. Os secretários mais ligados ao prefeito passaram a pressionar pela saída de Nazal. O distanciamento do Prefeito já era visto no tempo enorme em que Nazal tentava se reunir com Marão sem conseguir. Suas sugestões e alertas também eram ignorados. Já Gusmão era apontado como culpado de mazelas de outras áreas, segundo o A Região.

Nazal entregou ao prefeito Mário Alexandre, além do pedido de exoneração, uma carta pessoal com os motivos reais de sua saída do governo. Segundo o Blog Agravo, “o conteúdo é duro e realista”.

Será que demais cargos indicados por Nazal, como FG’s serão retirados? Em Ilhéus, sabemos, alguns rompimentos, não passam de grandes farsas! 

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2018/05/ilheus-comandado-por-egressos-dos-governos-de-valderico-newton-e-jabes-governo-marao-entra-em-percursos-intrincados.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.