Desde o dia 2 de fevereiro se espera uma explicação convincente da Prefeitura de Ilhéus sobre um carro de sua frota que capotou voltando de uma festa em Ibicaraí na madrugada do dia 22. O acidente aconteceu na BR-415.

A picape S10 de placas PJG-0565 é locada para a Prefeitura de Ilhéus. Ela emitiu na época uma nota oficial, alegando que o acidente aconteceu na quinta-feira, 26, por volta das 6 horas. Nossa fonte mantém que o acidente foi no domingo de madrugada.

A Prefeitura informou que o veículo era usado pela Superintendência Municipal de Trânsito (SUTRAN) e que o servidor Gabriel Lima o usou sem autorização, para fins particulares “acarretando, além do acidente, ato de indisciplina”. Dizia que apurava o caso.

Depois disso, silêncio completo. A Prefeitura de Ilhéus não publicou o resultado da apuração nem divulgou se o servidor foi punido ou que providências foram tomadas para evitar novos usos ilegais da frota oficial, conforme questionou o Jornal A Região.

::Publicidade
Compartilhar Post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *