Fazendeiro dono de terras em Ilhéus, Itajuipe e Itabuna é preso como mandante de chacina em Felisburgo

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu, em Salvador (BA), o fazendeiro Adriano Chafik Luedy, 50 anos. Ele era foragido da Justiça, condenado há 115 anos pela chacina ocorrida no Acampamento Terra Prometida, montado pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), na Fazenda Nova Alegria, em Felisburgo (MG), no ano de 2004. Adriano foi preso em um flat de sua propriedade e trazido, na sexta-feira (15/12) para Belo Horizonte pela equipe de policiais civis do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

As investigações para localizar Chafik duraram três meses e, devido ao seu grande poder aquisitivo, além de frequentar praias e restaurantes de alto luxo, não fixava local e não portava documentos. Segundo o que foi apurado, o foragido, que tem diversas fazendas no sul da Bahia, com criações de gado e plantações de cacau, também é sócio de uma construtora, possui inúmeros imóveis em Salvador e continuava ativo em suas atividades comerciais.

Segundo o Chefe-Adjunto da PCMG, Delegado-Geral Rogério de Melo Franco Assis Araújo, a prisão era questão prioritária para o Governo do Estado e para a Polícia Civil. “Não iremos aceitar coronelismo em nosso Estado. Como era um foragido com muitas posses poderia estar escondido em qualquer lugar, mas estávamos engajados e com muito afinco para logramos êxito nesta operação policial. Não interessava onde ele estivesse, iríamos localizá-lo e prendê-lo”, afirmou.

O Delegado Emerson Morais, responsável pelas investigações e prisão de Chafik, ressaltou que o fato de o condenado ter um alto poder aquisitivo dificultou a sua localização, pois não fixava posto em várias de suas fazendas e diversos imóveis que ele possui, mas com um trabalho de inteligência investigativa foi possível encontrá-lo. “Ele é um grande latifundiário, com fazendas em Ilhéus, Itajuípe e Itabuna, na Bahia, mas fizemos um trabalho investigativo utilizando de alta tecnologia e inteligência e, assim, conseguimos êxito”, concluiu. Após sua chegada a Belo Horizonte, Chafik foi encaminhado ao Sistema Prisional e está à disposição da Justiça.

Assessoria de Comunicação – PCMG

 

Link permanente para este artigo: https://www.ilheus.net/2017/12/fazendeiro-dono-de-terras-em-ilheus-itajuipe-e-itabuna-e-preso-como-mandante-de-chacina-em-felisburgo.html

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.