Chuva causou estragos em Ilhéus e Itabuna

 

A chuva causou transtornos para moradores nas cidades de Itabuna e Ilhéus, no sul do estado, na segunda-feira (10). Famílias precisaram deixar as casas em que moram porque a água invadiu os imóveis.

A Defesa Civil dos municípios informou que os moradores devem ser abrigados pela assistência social. Nesta terça-feira (11), choveu pouco em Itabuna e não choveu em Ilhéus. Não foram registradas novas ocorrências nas cidades.

Itabuna

Durante a madrugada, o córrego que corta a comunidade do bairro de São Roque, em Itabuna, transbordou e invadiu casas, na Rua Landulfo Alves. Três famílias precisaram ser retiradas dos imóveis que moravam. A água entrou em outras dez casas, mas as famílias continuam no local.

Uma das moradoras da região, a aposentada Eunice Pereira, usa cadeira de rodas, e teve que contar com ajuda dos vizinhos para retirar móveis e objetos às pressas, para tentar evitar prejuízos.

Ela diz que já perdeu as contas de quantas vezes saiu de casa por causa das enchentes no local. “Muitas vezes. Mas para entrar [água] assim, não. É um sofrimento só”, lamenta a aposentada.

“Em alguns casos, a gente está fazendo a interdição da casa e removendo as famílias. A situação está bem crítica. A gente vai fazer remoção das famílias e encaminhar para casas de apoio que a gente tem, cedidas pela assistência social”, diz o coordenador da Defesa Civil Yuri Bandeira.

Ilhéus

Em Ilhéus, o tempo ficou firme durante a manhã, mas durante a noite e a madrugada havia chovido 67 milímetros, segundo a Defesa Civil. O volume é considerado normal para duas semanas. Foram registrados deslizamentos de terra na antiga Rua da Horta no Malhado, onde a terra invadiu o quintal de duas casas. Em uma delas, a parede desabou.

A dona de casa Valéria Santana reclama das perdas causadas pela chuva. “A gente ficou assustado. Minha mãe até passou mal. E estamos nesse prejuízo”, conta.

A Defesa Civil notificou os moradores e recomendou que saiam de casa. “Essa notificação vem acompanhada de um relatório, que é enviado para a Secretaria de Assistência Social. E elas são encaminhadas para o aluguel-social”, explica o coordenador da Defesa Civil Joandre Neres.

Ainda segundo a Defesa Civil de Ilhéus, enquanto as famílias que moram em áreas de risco não recebem benefícios, como o auxílio-aluguel, elas devem ir para casa de parentes.

A chuva em Ilhéus, também causou transtornos na escola municipal Pequeno Príncipe, que fica na região da Conquista. Vários pontos da escola ficaram com água acumulada. Segundo o pessoal que trabalha no local, quando chove, a água desce por uma cobertura.

As aulas não foram suspensas, mas a Secretaria de Educação disse que, se a chuva continuar, as crianças serão levadas para outros anexos. A secretaria informou também que está aguardando a finalização de um processo licitatório para começar o trabalho de reforma na escola.

A secretaria disse ainda que a escola foi uma das vinte unidades do município que tiveram problemas causados pela chuva. Uma equipe começou a avaliar os locais na tarde de segunda-feira.

Informações do G1/BA

Franklin Deluzio
Follow me

Franklin Deluzio

Autor em ilheus.net
Franklin Deluzio é graduado em Filosofia pela Universidade Estadual de Santa Cruz, Especializando em Educação, Especializando em Gestão Pública Municipal (UESC) e Servidor Municipal de Ilhéus/BA.
Franklin Deluzio
Follow me

Veja mais

Atenção! Os comentários do blog são via Facebook ou Google Plus, se quiser comentar, esteja logado! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor do mesmo.

Loading Facebook Comments ...
Moura Modas
Moura Modas
Web Link
Weblink Hospedagem de Sites
Técnico em informática
Técnico em informática